O INTERNACIONAL GOLEOU o Juventude por 4 x 0, na noite desta 2ª feira (29), na Arena Beira Rio, em Porto Alegre, igualou o Fluminense em pontos (42), mas terminou a 24ª rodada em 5º, com menos uma vitória que o Fluminense, que manteve o 3º lugar, a 1 ponto do vice-líder Flamengo (43) e a 8 pontos do líder Palmeiras (50).

FOI A SÉTIMA VITÓRIA do Internacional como mandante, primeira por 4 x 0 e quinta sem sofrer gol no 12º jogo na Arena Beira Rio. O Juventude, último colocado e cada vez mais perto do rebaixamento à Série B em 2023, sofreu a 13ª derrota, 5ª sem fazer gol em 7 jogos como visitante, ao sofrer a segunda goleada por 4 x 0. 

O INTERNACIONAL marcou dois gols em cada tempo, o primeiro de Johnny, de cabeça, aos 37, e o segundo de Wanderson, aos 48, após o goleiro Pegorari rebater com o pé o pênalti do meia uruguaio Carlos de Pena. Na volta do intervalo, Johnny, de cabeça, fez o 3º aos 2 minutos, e Edenilson, de pênalti, fechou o placar aos 48.

DANIEL, Bustos, Vitão, Mercado e Renê; Gabriel, Johnny (Edenilson), Carlos de Pena (Pedro Henrique) e Mauricio (Alan Patrick); Wanderson (Taison) e Alemão (Braian Romero), o Internacional da terceira vitória consecutiva, em noite de 12 graus na Arena Beira Rio, em Porto Alegre. R$711.517,00. 15.221 pagantes.

ENTRE OS TÉCNICOS que mais reclamam, Mano Menezes cumpriu suspensão e foi substituído na área técnica por seu assistente Sidnei Lobo. O jogo registrou 8 faltas do Internacional e 9 do Juventude, do técnico Umberto Louzer. O árbitro Bruno Arleu Araújo aplicou cartões amarelos em Nogueira, Pires e Pegorari, do Juventude.

COM A GOLEADA, o Juventude segue em 20º com 17 pontos, só 3 vitórias, 8 empates e 13 derrotas, com o segundo pior ataque (18) , defesa mais vazada (41), e o saldo negativo de 23 gols. Na 25ª rodada, o time da Serra gaúcha voltará a jogar em seu estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, sábado (3), com o Avaí, 18º com 23 pontos.

Foto: Estado News