Escolha uma Página

Liverpool FC

O empate do líder Liverpool com o West Ham (1 x 1), no jogo que completou a rodada 25, na noite desta segunda (4), no Estádio Olímpico de Londres, com a lotação completa de 57 mil torcedores, reduziu para três pontos (62 a 59) a vantagem sobre o vice-lider Manchester City. Faltando 13 rodadas, a Premier League, campeonato mais rentável do mundo, fica ainda mais empolgante. Os gols foram no primeiro tempo de um jogo corrido e muito disputado com a participação de quatro brasileiros.

EM SEIS MINUTOS – O Liverpool fez 1 x 0, gol do senegalês Sadio Mané, atacante de 26 anos, aos 22 minutos, após cruzamento do lateral-direito James Milner, que estava impedido ao receber a bola. Bom dizer: o Campeonato Inglês é o único dos cinco mais importantes da Europa que não utiliza árbitro de video. O gol de empate do West Ham foi de Michail Antonio, atacante inglês de 26 anos, filho de jamaicanos, com chute forte. A bola ainda bateu no pé da trave direita antes de entrar.

SUPEROU BECKHAM – James Milner, lateral-direito inglês de 33 anos, tornou-se o jogador com mais assistências (81) da história do campeonato, superando o ex-atacante David Beckham, hoje aos 43 anos, com 80 assistências. Beckham jogou 10 anos consecutivos no Manchester United, seu único time na Inglaterra, com 85 gols em 265 jogos, e é o único jogador inglês campeão nacional em quatro times: Manchester United, Real Madrid, Los Angeles Galaxy e Paris Saint Germain.

SUPERGOLEIRO – O gaúcho Alisson, goleiro do Liverpool e titular da seleção brasileira, não economizou elogios à atuação de Lukasz Fabianski, goleiro polonês de 33 anos, 1,90m, que joga na Inglaterra há doze anos e é titular do West Ham desde 2018. Fabianski fez defesas consideradas impossíveis, em finalizações de Salah, Mané e Firmino, único do trio que foi substituído para a entrada do belga Divock Origi, de 23 anos, aos 29 do segundo tempo.

BRASILEIROS – O goleiro Alisson pouco foi exigido e não teve culpa no gol. O apoiador Fabinho, ex-Fluminense, atuou até o fim com bom desempenho, como o de Firmino, embora tenha sido substituído. Único brasileiro do West Ham, o atacante Felipe Anderson, de 25 anos, está no clube desde 2018, após cinco temporadas na Lazio de Roma (176 jogos, 34 gols). Ele nasceu em Santa Maria, a 26 km de Brasília, de onde saiu para o Santos (108 jogos, 9 gols), em 2010.

20 FALTAS, 2 CARTÕES – O árbitro inglês Kevin Friend, 47 anos, controlou bem o jogo e apitou 20 faltas (11 do Liverpool). Advertiu só dois com cartões amarelos: o atacante mexicano Chicharito Hernandez, do West Ham, e o zagueiro alemão Joel Matip, do Liverpool. No final, quando deixava o gramado com seus assistentes, o técnico alemão Jurgen Klopp, do Liverpool, tentou conversar, mas ele manteve distância e ficou calado, o que deixou o treinador muito sem graça.

DESDE 2004 – Manuel Pellegrini, ex-zagueiro e técnico chileno de 65 anos, chega ao seu décimo quinto ano na Europa, onde começou em 2004 e até 2009 dirigiu o Villarreal, da cidade de San Sebastián. Pellegrini também teve boas passagens pelo Real Madrid e Manchester City, time em que foi sucedido pelo espanhol Pep Guardiola, e estava no Hebei China Fortune antes de ser contratado pelo West Ham, de Londres, atual décimo segundo colocado com 32 pontos após o quinto empate.

100 JOGOS – O atacante inglês Rashford, 21 anos e 95 dias, tornou-se sábado (2) o segundo mais jovem da história centenária do Manchester United a completar 100 jogos no campeonato. O primeiro foi o meia Ryan Giggs, então aos 21 anos e 74 dias, hoje aos 45 anos e técnico da seleção do País de Gales. Ryan Giggs é recordista de jogos com a camisa do Manchester United: 963, com 168 gols, entre 1990 e 2014, e considerado o melhor de todos os tempos da história do clube.

NOVE EM DEZ – Em esplêndida ascensão desde que seu ex-atacante norueguês Gunnar Solskjaer, de 45 anos, assumiu após a demissão do português José Mourinho, que continua sem clube, o Manchester United chegou à nona vitória em dez jogos, com o 1 x 0 de sábado (2), gol de Rashford, sobre o Leicester City, fora de casa. Sem chance de ganhar o título inglês, o Manchester United tenta uma das vagas para a Liga dos Campeões 2019-2020.

ÚNICA AMEAÇA – O Tottenham, de Londres, do técnico argentino Maurício Pochettino, 46 anos, é a única ameaça ao título do Liverpool ou ao bicampeonato do Manchester City. O Liverpool tem 62 pontos – 19 vitórias, 5 empates, 1 derrota e saldo de 41 gols (56 a 15); o Manchester City , 59 pontos – 19 vitórias, 2 empates, 4 derrotas e saldo de 46 gols (66 a 20), e o Tottenham é o terceiro com 57 pontos.