DEPOIS DE 10 VITÓRIAS CONSECUTIVAS, o líder Real Madrid, com o ataque mais positivo e o artilheiro do campeonato, parou no muro argentino Jeremias Ledesma, goleiro de 28 anos, 1,87m, do Cádiz, penúltimo colocado, com defesas notáveis, na noite deste domingo (19), no estádio Santiago Bernabeu, em Madrid. Com o tropeço, a vantagem pode cair para três pontos, se 3ªfeira (21), o vice-líder Sevilha, com 37, vencer em casa o jogo adiado com o Barcelona.

CLIMA DE FESTA – Os 38.818 torcedores criaram clima de festa, bateram palmas e cantaram Parabéns, aos 9 minutos, para o camisa 9 Benzema, que completou 34 anos hoje (19). Artilheiro do campeonato 2021-22, com 13 gols, Benzema foi comprado do Lyon em 2009, por 35 milhões de euros, após o tetracampeonato francês (2004-05-06-07-08), e no Real Madrid foi três vezes campeão espanhol, quatro vezes campeão mundial de clubes e da Liga dos Campeões da Europa.

APÓS 15 ANOS – O Cádiz voltou ao estádio Santiago Bernabeu após 15 anos e soube se defender na 1ª vez em que jogou contra o técnico italiano Carlo Ancelotti, que havia vencido todos os 24 adversários anteriores na Espanha. 19º com 14 pontos, o Cádiz só ganhou 2 jogos, empatando e perdendo 8, com saldo negativo de 16 gols (15 a 31), igual ao lanterna Levante, único sem vitória, 8 empates, 9 derrotas, dirigido pelo italiano Alessio Lisci, de 36 anos. 

INFECTADOS – O Real Madrid não contou com os brasileiros Marcelo e Rodrygo, além do croata Luka Modric; do galês Gareth Bale; do goleiro reserva ucraniano Andriy Lunin; do espanhol Marco Asensio, e do assistente técnico italiano Davide Ancelotti, de 32 anos, filho do técnico Carlo Ancelotti, todos infectados pelo novo coronavírus, que volta a assustar os europeus, provocando adiamento de vários jogos na Inglaterra. 

SUSPENSO – Real Madrid 0 x 0 Cádiz foi o 10º jogo do campeonato 2021-22 apitado por Jaime Latre, de 42 anos, natural de Huesca, que marcou 19 faltas – 10 do Cadiz – e só fez duas advertências com cartão amarelo, no zagueiro Juan Cala, do Cadiz, e no volante Casemiro, titular da seleção brasileira, por falta dura, por trás, no lateral Ivan Alejo, no grande círculo. Casemiro não disputará o próximo jogo, com o Athletico Bilbao, suspenso pelo 5º cartão.

O MAIS VELHO – O atacante espanhol Jorge Molina tornou-se neste domingo (19) o mais velho da história de 92 anos do campeonato a marcar três gols em um jogo, aos 39 anos 241 dias. Ele fez os três primeiros gols dos 4 x 1 do Granada, 15º com 19 pontos, sobre o Mallorca, 14º com 20 pontos, no estádio Nuevo Los Cármenes, de Granada, bela cidade de Andaluzia, no Sul do país. Molina superou Joaquin, do Betis, com três gols aos 38 anos 140 dias.

FENÔMENO – Um dia depois de anunciar a compra do Cruzeiro, Ronaldo Fenômeno teve outra boa notícia: o Valladolid, time que comprou na Espanha, venceu neste domingo (19), fora de casa, a Real Sociedad, penúltimo da Série B, por 2 x 0, mantendo-se em 5º lugar com 37 pontos, perdendo o 4º lugar para a Ponferradina por 1 gol no saldo (9 a 10). O líder é o Almeria, com 45 pontos, que completa a rodada, amanhã (20), fora de casa, com o Lugo, 17º.

Foto:  Getty Images Europe