No sobe e desce constante de um campeonato com final mais emocionante dos últimos tempos, disputado rodada a rodada e ponto a ponto, o Liverpool voltou a tirar o Manchester City da liderança da Premier League, ao vencer (2 x 0) o Cardiff, único time do País de Gales que participa do Campeonato Inglês, décimo oitavo e praticamente condenado ao rebaixamento. Na véspera, o City havia ganho (1 x 0, gol de Phil Foden) do Tottenham, que o eliminara três dias antes da Liga dos Campeões.

DOIS PONTOS – O Liverpool voltou a ficar dois pontos à frente do Manchester City (88 a 86), com menos um jogo, que cumprirá quarta (24), em compromisso arriscado fora de casa, com o Manchester United, que briga por vaga na Liga dos Campeões de 2019-2020. A vitória deste domingo (21) foi bem tensa porque o goleiro Neil Etheridge, de 29 anos, 1,88m, primeiro filipino a jogar no Campeonato Inglês, fez defesas milagrosas. No entanto, o alagoano Roberto Firmino perdeu chance frente a frente com ele.

CABEÇA E PÊNALTI – Na volta do intervalo, o Liverpool adiantou a marcação e dobrou a pressão, até que o atacante holandês Wijnaldum fez o primeiro gol aos 11, com chute forte no ângulo. Tranquilidade mesmo o time só conseguiu aos 35, quando o inglês James Milner converteu o pênalti do zagueiro Sean Morrison no egipcio Salah. O goleiro gaúcho Alisson Becker – titular da seleção brasileira – e o atacante Roberto Firmino jogaram até o final. Firmino, sem o brilho de jogos anteriores. Alisson, sem trabalho.

CHOQUE DE CABEÇA – James Milner, autor do segundo gol, entrou no lugar do apoiador Fabinho, paulista de Campinas, que passou pelo Fluminense. Fabinho saiu aos 29 do segundo tempo, após choque de cabeça com o atacante Oumar Niasse, de 29 anos, nascido no Senegal. Levado à beira do campo para o primeiro atendimento, o jogador brasileiro continuou sentindo muita dor e teve que ser substituído. Fabinho havia entrado no lugar do meia Naby Keita, da Nova Guiné, e ficou em campo menos de 15 minutos. Ao fim do jogo, o médico Harold Wilson informou que Fabinho já se sentia melhor.