HÁ MAIS DE 100 CASOS DE INFECÇÃO no futebol espanhol e o atacante Vinícius Junior, do Real Madrid, é um dos que contraíram o novo coronavírus, na volta aos treinos após o Natal, junto com o meia uruguaio Valverde, o goleiro belga Courtois e o volante francês Camavinga, de 19 anos, o mais novo da equipe líder do campeonato, todos fora do primeiro jogo de 2022, domingo (2), com o Getafe, na região metropolitana de Madrid.

O BARCELONA NÃO LEVARÁ NA VIAGEM de 206 km a Palma, para o jogo de domingo (2) com o Mallorca, o zagueiro francês Umtiti, de 28 anos; o atacante francês Dembélé, e o meia espanhol Gavi, o mais jovem da equipe, com 17 anos. O Mallorca está com sete infectados, número idêntico aos do Espanyol de Barcelona e da Real Sociedad de San Sebastián. O Elche, da província de Alicante, e o Rayo Vallecano, são os que registram mais casos (12). 

O TÉCNICO ARGENTINO EDUARDO COUDET, ex-Internacional, está apreensivo com a viagem a Sevilha, devido aos 9 casos de infecção, que o obrigarão a escalar vários reservas do Celta de Vigo, 14º com 20 pontos, em jogo duríssimo com o Betis, 3º colocado e com uma das campanhas mais regulares. Único sem problema, o Atlético de Madrid, 5º com 29 pontos, recebe o Rayo Vallecano, 4º com 30 pontos, domingo (2) em seu estádio Wanda Metropolitano. 

A REAL FEDERAÇÃO ESPANHOLA DE FUTEBOL decidiu criar novos protocolos de prevenção, em virtude dos resultados positivos nos testes de mais de 100 jogadores e integrantes de comissões técnicas. De acordo com Carolina Darías, de 56 anos, ministra da Saúde, a variante Omicron mostra ser mais contagiosa, embora menos letal. As medidas preventivas serão ainda mais rigorosas, mas está decidido que os jogos só serão adiados em casos extremos.

DOIS CLÁSSICOS NO PRIMEIRO FIM DE SEMANA de 2022 completarão o Boxing Day, com os quatro primeiros da Premier League. Cinco portugueses infectados ficarão fora, sábado (1), de Arsenal, 4º com 35 pontos x City, líder com 50. Cédric Soares e Nuno Tavares desfalcarão o time londrino, que também não contará com o técnico espanhol Mikel Arteta. João Cancelo, Ruben Dias e Bernardo Silva não jogarão pela equipe do técnico espanhol Guardiola.

O MANCHESTER CITY aumentou a vantagem para 8 pontos, com a derrota de 3ª (28) do Liverpool para o Leicester por 1 x 0, e com o 1 x 1 de ontem (29), do Chelsea, em Londres, com o Brighton, 10º com 24 pontos. A vitória parecia certa, com o gol do belga Lukaku, aos 28 do 1º tempo, mas, no minuto final dos acréscimos, o atacante inglês Danny Welbeck empatou. Domingo (2), o vice-líder Chelsea, com 42, e o Liverpool, 3º com 41, se enfrentam no Stamford Bridge, no coração de Londres.

Foto: Correio Brasiliense