Escolha uma Página

DEPOIS DE ABRIR 2 x 0, gols do zagueiro Halter, de cabeça, aos 45 do 1° tempo, e do meia Eduardo, dd pênalti aos 22, o Botafogo cedeu o empate ao Nova Iguaçu, aos 24 e aos 44 minutos, com os gols de Carlinhos, novo artilheiro do campeonato com 5 gols em 4 jogos. Ele fez gols também no empate com o Flamengo, na vitória sobre o Vasco, e estava suspenso na derrota para o Fluminense (3 x 0).

AO REPETIR O VACILO do jogo anterior, em que cedeu o empate à Portuguesa, o Botagogo não só pode ficar mais distante do líder Fluminense (13 pontos), que joga com o Sampaio Corrêa, amanhã (4), mas também perder a vice-liderança, se houver vencedor em Flamengo x Vasco, ambos com 8 pontos, e em vantagem no saldo de gols.

SE FLAMENGO E VASCO empatarem, o Botafogo também pode perder a vice-liderança, desde que haja vencedor segunda-feira (5) entre Boavista e Madureira, ambos com 9 pontos, no jogo que completará a sexta rodada. Além disso, o segundo tropeço seguido do Botafogo foi desanimador, a quatro dias do seu primeiro clássico de 2024, quarta-feira (8), com o Flamengo.

O BOTAFOGO, DO SEGUNDO VACILO seguido: Jhon Victor (Gatito), Tchê Tchê (Newton), Halter, Bastos e Hugo; Danilo (Kayque), Marlon e Eduardo (Raí); Junior Santos, Tiquinho (Jeffinho) e Victor Sá.

Fotos: Vitor Silva / Botafogo