Mesmo sem jogar há nove meses, o atacante marfinense Kalou, de 35 anos, fez boa estreia com a camisa 8 do Botafogo no segundo 0 x 0 do time, primeiro empate do Coritiba e quarto jogo sem gol do Campeonato Brasileiro de 2020, na noite de ontem (2), no estádio Nilton Santos. Pelo longo tempo, Kalou mostrou bom rendimento, ainda que sem chances reais de gol, e manteve o ritmo até ser substituído aos 42 do segundo tempo, quando Botafogo e Coritiba criaram um pouco mais.

GOL ANULADO – O Botafogo tomou a iniciativa procurando decidir logo e até chegou a ter um gol de Luis Henrique, aos 8 minutos, bem anulado por impedimento, conforme orientação do árbitro mineiro Igor Benevenuto, que monitorava o VAR. Foi o terceiro gol anulado do Botafogo nos últimos dois jogos em que o time perdeu (2 x 0) do Internacional e ficou no 0 x 0 com o Coritiba.

OS GOLEIROS – Nas duas melhores chances que houve, os goleiros marcaram presença com boas defesas. Gatito evitou o que parecia gol certo de Robson, com chute forte e bem colocado, e Wilson, do Coritiba, impediu que o japonês Honda, em seu nono jogo com a camisa do Glorioso, fizesse o segundo gol, seis meses depois do único que marcou, de pênalti, no 1 x 1 de 15 de março com o Bangu pelo Campeonato Carioca.

44 FALTAS – Botafogo 0 x 0 Coritiba, na noite de ontem (2), no estádio Nilton Santos, não foi um jogo desleal nem violento, como os que não viram possam imaginar pelas 44 faltas cometidas (19 do Botafogo), tanto que o árbitro Felipe Fernandes Lima, de 33 anos, da Federação Mineira, só fez duas advertências com cartão amarelo. A do volante Forster, do Botafogo, por falta em Galdezani, aos 47 do primeiro tempo, e a do atacante Wellissol, do Coritiba, por falta em Guilherme Santos, aos 43 do segundo.

BOTAFOGO – Gatito, Kevin, Benevenuto, Kanu e Guilherme Santos; Forster (Luis Otavio), Honda e Bruno Nazario; Kalou (Davi Araújo), Pedro Raul e Luis Henrique (Mateus Babi). Técnico – Paulo Autuori. O Botafogo tem 7 pontos em 6 jogos – 1 vitória, 1 derrota, 4 empates (dois 1 x 1 e dois 0 x 0), saldo negativo de um gol (4 a 5) – e será visitante no próximo jogo, sábado (5), na Arena Corinthians. 

CORITIBA – Wilson, Jonathan, Filemon, Sabino e William Mateus; Salles, Galdezani (Igor Jesus) e Bueno; Robson (Giovanni Augusto), Sassá (Wellissol) e Neilton (Yan Sasse e depois Hugo Moura). Técnico Jorginho. O Coritiba tem 7 pontos em 7 jogos – 2 vitórias, 4 derrotas, 1 empate, saldo negativo de três gols (4 a 7) – e o próximo jogo será domingo (6) com o Atlético Mineiro, no estádio Couto Pereira, no Alto da Glória, bairro elegante de Curitiba.

BOM DIZER – Antes de Botafogo 0 x 0 Coritiba, os outros jogos sem gol no Brasileiro 2020 foram na terceira rodada – Grêmio 0 x 0 Corinthians, Fortaleza 0 x 0 Botafogo – e na quinta rodada Vasco 0 x 0 Grêmio.

Foto:  Vitor Silva/Botafogo