Escolha uma Página

Ainda em Mangaratiba, a 85 km do Rio, Neymar segue mantendo a forma e aguardando a definição do futuro, na espera de que o desfecho seja a volta ao Barcelona, de onde agora admite que não deveria ter saído. É a primeira vez que demonstra arrependimento, mesmo tendo se tornado na transferência mais cara do futebol mundial em 2017.

TUDO INCERTO – O campeonato francês foi dado por encerrado, devido à pandemia do novo coronavírus, com o PSG bicampeão. Agora o clube aguarda a decisão sobre o reinício da Liga dos Campeões, na expectativa de terminar a temporada com o primeiro título de sua história de 47 anos. Seria a última competição de Neymar com a camisa do clube.

COMPLICADO – O PSG pagou a multa rescisória de 222 milhões de euros, quase 900 milhões de reais, para tirá-lo do Barcelona em 2017. Por estar há três anos na França, Neymar pode romper o contrato, de acordo com o regulamento da FIFA, mas é preciso que tenha acerto com outro clube para se transferir. O Barcelona ainda não anunciou interesse.

BOM LEMBRAR – Após 138 gols em 230 jogos, entre 2009 e 2013, Neymar saiu do Santos em transferência que teve até investigação da FIFA. Os 57 milhões pagos pelo Barcelona poderiam ser 85 milhões ou até 95 milhões, conforme a troca de acusações, entre o pai do jogador e seu agente anterior. Agora, o PSG poderia liberá-lo por 180 milhões de euros.

SITUAÇÃO – Com o futebol parado, a situação financeira dos clubes se agravou e a previsão é de que reduzam os investimentos, daí o Barcelona ainda não ter confirmado interesse na volta de Neymar. O PSG quer receber cash, tal como pagou, sem aceitar inclusão de jogadores na transação porque sabe que o Barcelona não ofereceria nenhum titular.

DUAS CERTEZAS – No PSG, Neymar fez 69 gols em 80 jogos, enquanto no Barcelona marcou 105 gols em 186 jogos. No cenário atual de indefinição, que não se sabe por quanto tempo ainda vai perdurar, só é possível ter certeza de duas coisas: o arrependimento que Neymar já confessou de ter saído e o desejo imenso de voltar à Espanha.

Fotos: R7 Esporte