Escolha uma Página

O baiano Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF, e o suíço Gianni Infantino, presidente da FIFA, com a Copa do Brasil, antes do 1º jogo na Arena Corinthians.

FLAMENGO OU CORINTHIANS sairá do Maracanã com R$60 milhões, prêmio recorde do campeão da 34ª Copa do Brasil, que completará na noite desta 4ª feira (19) 3.645 jogos, desde 1989, quando o Grêmio venceu o Goiás na primeira decisão. A edição de 2022 registra 279 gols em 121 jogos, média de 2.31 gols por jogo.

FLAMENGO E CORINTHIANS só entraram a partir da terceira fase da Copa do Brasil, por estarem disputando a fase de grupos da Libertadores. O Flamengo eliminou o Altos, do Piauí; o Atlético Mineiro nas oitavas de final; o Athletico Paranaense nas quartas de final, e o São Paulo, com alguma facilidade, nas semifinais.

O CORINTHIANS estreou eliminando a Portuguesa, do Rio de Janeiro, que teve bom início pela primeira vez. Na sequência, eliminou o Santos nas oitavas de final, e passou com dificuldade pelo Atlético Goianiense nas quartas de final. Nas semifinais, 2 x 2 com o Fluminense e 3 x 0 fácil na Arena Corinthians.

O FLAMENGO marcou 12 gols, 7 como visitante em 9 jogos, e só teve um pênalti a favor, enquanto o Corinthians fez 16 gols, sendo 13 em casa e nenhum de pênalti. Nos 121 jogos da Copa do Brasil de 2022, os times mandantes venceram 56; os visitantes ganharam 34 e foram registrados 31 empates.

FLAMENGO – Santos, Rodinei, David Luiz, Leo Pereira e Filipe Luis; Tiago Maia, Arturo Vidal, Arrascaeta e Everton Ribeiro; Gabriel e Pedro. O técnico paulista Dorival Silvestre Jr, de 60 anos, completa 54 jogos, com 34 vitórias. Ele quer repetir 2010, quando ganhou a única Copa do Brasil dirigindo o Santos.

CORINTHIANS – Cássio, Fagner, Gil, Balbuena e Fabio Santos; Fausto Vera, Du Queiroz e Renato Augusto; Adson (Ramiro), Yuri Alberto e Roger Guedes. O técnico português Vítor Pereira, de 54 anos, tenta o 1º título ao completar 56 jogos com 23 vitórias. Na próxima semana ele assina a renovação do contrato para 2023.

O MEIA GIULIANO, do Corinthians, com 4 gols, pode se tornar artilheiro da Copa do Brasil de 2022, se fizer 2. Cano, do Fluminense, tem 5. Arrascaeta e Yuri Alberto têm 3 gols. O maior artilheiro da Copa do Brasil é Fred, com 37 gols. O Flamengo tem o ataque mais positivo com 356 gols em 202 jogos.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF