O MEIA ENZO FERNANDEZ, de 22 anos, prêmio Fifa de melhor jogador jovem da Copa de 2022, tornou-se nesta 3ª feira (31) o campeão do mundo mais caro, vendido pelo Benfica ao Chelsea por 121 milhões de euros – R$660 milhões -, horas antes de fechar a primeira janela de transferências de 2023 do futebol da Europa.

O CHELSEA FC pagou um milhão de euros a mais do valor da multa de 120 milhões da rescisão do contrato que Enzo Fernandez tinha com o Benfica até 2026. O valor supera os 115 milhões de euros que o Chelsea pagou pelo belga Lukaku à Inter de Milão, em agosto de 2021. Enzo Fernandez assinará com o Chelsea até 2031.

A COMPRA DE ENZO FERNANDEZ também supera os 90 milhões de euros que a Juventus pagou ao Napoli pelo artilheiro argentino Gonzalo Higuain, em 2016, e os 117.500 mil euros, que o Manchester City pagou ao Aston Villa pelo meia e ponta inglês Jack Grealish, em 2021. 

BOM LEMBRAR: o Benfica pagou ao River 14 milhões de euros, em julho de 2022, e seis meses depois o vendeu por quase 10 vezes mais ao londrino Chelsea. Enzo Fernandez chegou ao River aos seis anos em 2006, estreou em 2019 e ganhou a Copa e a Recopa Sul-Americana, em 2020, emprestado ao Defensa y Justicia.

O RIVER VAI RECEBER mais 25 milhões de euros da venda do Benfica ao Chelsea, e pode ganhar até 48 milhões de euros, recorde absoluto na história dos clubes do futebol argentino, com os bônus por objetivo e o mecanismo de solidariedade da Fifa. Os valores do contrato do jogador ainda não foram divulgados.

ENZO FERNANDEZ fez apenas 29 jogos e 4 gols pelo Benfica. Seu nome foi escolhido pelo pai, superfã do uruguaio Enzo Francescoli, maior artilheiro estrangeiro do River, com 137 gols em 236 jogos, cinco vezes campeão argentino e da Supercopa Libertadores. Até hoje, aos 61 anos, ele vive na Argentina, onde revela ter sido sempre mais bem tratado do que em seu próprio país.

COM A COMPRA de Enzo Fernandez, o Chelsea vendeu o meia Jorginho, catarinense de 31 anos, naturalizado italiano, por 12 milhões de libras – R$75 milhões – ao Arsenal de Londres. O técnico espanhol Mikel Arteta, ex-meia de 40 anos, disse que o brasileiro dará experiência e qualidade ao time, e já estreará sábado (4) contra o Everton, no Goodison Park, em Liverpool, pela 22ª rodada da Premier League.

Foto: Reuters