Escolha uma Página

A QUATRO DIAS de iniciarem a decisão da Copa do Brasil, que garante ao campeão a vaga direta na fase de grupos da Libertadores, Flamengo e Corinthians abrem na noite deste sábado ( 8 ) a 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, sem mais nenhuma aspiração ao título, que o Palmeiras deve comemorar até com antecedência.

O ÚNICO TITULAR que o Flamengo levou a Cuiabá, para o jogo na Arena Pantanal com o Cuiabá, foi o goleiro Santos, e o time será completado por Mateuzinho, Fabrício Bruno, Pablo e Ayrton Lucas; Thiago Maia, Arturo Vidal e Diego; Marinho, Victor Hugo e Cebolinha. Nem mesmo o técnico Dorival Junior viajou com a equipe.

O FLAMENGO será orientado na área técnica pelo assistente Lucas Silvestre, de 34 anos, filho do técnico Dorival Junior, de 60 anos, que acompanha o pai desde 2010. Dorival ficou no Rio com os titulares, que não terão folga no fim de semana, treinando hoje e amanhã (domingo, 9) para o início da grande decisão.

DEPOIS DO 0 x 0 com o Internacional, o Flamengo não saiu do 5º lugar, com 49 pontos, e mesmo que consiga a 15ª vitória em Cuiabá, a classificação será pouco alterada. Para o Flamengo, ganhar a 4ª Copa do Brasil e se igualar ao Palmeiras como 3º maior vencedor, e os R$60 milhões de prêmio são bem mais importantes.

QUARTO com 51 pontos e 14 vitórias no Brasileiro, o Corinthians pensa igual ao Flamengo, porque já ganhou três vezes a Copa do Brasil, e a chance de se igualar ao arquirrival Palmeiras é boa. O goleiro Cássio será dos poucos titulares em campo no jogo com o Athletico Paranaense, 6º com 48 pontos e 13 vitórias.

AS DECISÕES CRIAM PROBLEMA. Não foram poucas as reclamações dos torcedores do Flamengo, que queriam estar na Arena Corinthians, só com 2.800 ingressos aos visitantes. Pior será na final do dia 29 da Libertadores: passagens aéreas, hotéis e ingressos caros para ficar atrás dos gols do estádio Monumental de Guaiaquil. 

O FRACASSO DA FINAL da Copa Sul-Americana, que o São Paulo perdeu para o Del Valle, no estádio Mario Kempes, da cidade argentina de Córdoba, será repetido no Monumental de Guaiaquil, frustrando os organizadores da Confederação Sul-Americana. Ingresso a R$745 para ficar atrás do gol, mais avião, hotel etc, etc…

Foto: Ultrajano / Divulgação