Cristiano Ronaldo conseguiu na noite de ontem (18), no estádio Luigi Ferraris, na cidade portuária de Gênova, no Noroeste italiano, o voo mais alto de sua carreira, ao saltar 2,56m, no último lance do primeiro tempo, para completar de cabeça o cruzamento do lateral brasileiro Alex Sandro e marcar o gol da vitória (2 x 1) da Juventus sobre a Sampdória, na abertura da décima sétima rodada.

IMPULSÃO – Cristiano Ronaldo, dos que mais sabem cuidar do físico, teve impulsão de quase 20 centímetros para chegar ao salto de 2.56m, calculando bem o momento certo para subir e cabecear o cruzamento de Alex Sandro. O atacante português saiu para o intervalo muito aplaudido e retribuiu erguendo os braços para agradecer.

CR7 AIR JORDAN – Foi o título que Cristiano Ronaldo usou na postagem em suas redes sociais, superfeliz com a marca. Bom lembrar: Michael Jordan, o maior jogador de basquete do mundo em todos os tempos – 1.072 jogos, 32.292 pontos -, manteve durante anos a mais alta impulsão em quadras, ao ganhar duas vezes a medalha olímpica de ouro.

LIDERANÇA – A vitória deu à Juventus a liderança provisória com 42 pontos, mas a Inter de Milão, com 39, pode voltar ao primeiro lugar isolada, pelo saldo de gols, se ganhar sábado (21), em casa, da Genoa, que está em penúltimo lugar com 11 pontos, só dois à frente do lanterna Spal, de Ferrara.

DYBALA – Os três gols de Sampdoria 1 x 2 Juventus foram feitos no primeiro tempo. O meia argentino Pablo Dybala, abriu o placar com um golaço de canhota aos 19, também com assistência do lateral brasileiro Alex Sandro, e o atacante Gianluca Caprari empatou aos 35 para a Sampdoria, dirigida pelo italiano Claudio Ranieri.

RECORDE – O goleiro Gianluigi Buffon, que em janeiro completará 42 anos, igualou na noite de ontem (18) o recorde de 647 jogos do ex-zagueiro Paolo Maldini, na Série A do Campeonato Italiano. Buffon voltou à Juventus, após curto contrato com o PSG, mas Maldini só jogou pelo Milan – 902 jogos, 33 gols -, de 1984 a 2009.