Escolha uma Página

HOJE FAZ CINCO ANOS que dez jogadores jovens do futebol do Flamengo morreram no incêndio do final da madrugada da 6ª feira, 8 de fevereiro de 2019, enquanto dormiam, em condições precárias, no Centro de Treinamento do Ninho do Urubu.

CINCO ANOS DEPOIS, a maior tragédia da história de 128 anos do Flamengo continua sem punição. A Justiça brasileira precisa dar sinal de vida, sem deixar que um caso de tamanha proporção, que enlutou dez famílias, seja prescrito.

Foto: Arte/G1