Um dia depois de Leonardo Jardim, de 45 anos, venezuelano naturalizado português, sem clube, ter dito que não pode sair da Europa, por motivos familiares, o espanhol Unai Emery, de 48 anos, também sem clube, e nos planos do Flamengo, acertou com o Villarreal, que terminou em quinto, com 60 pontos e vaga na fase de grupos da Liga Europa 2020-2021, com os 4 x 0 deste domingo (19) sobre o Eibar, no estádio La Cerâmica, antes conhecido como El Madrigal.

UNAI EMERY, ex-meia, citado como um dos técnicos nos planos do Flamengo, estava sem clube desde 29 de novembro de 2019, quando foi demitido do Arsenal, de Londres, após 78 jogos, desde 23 de maio de 2018. Pouco depois, ele havia acertado pré-contrato com o Villarreal, e o presidente Fernando Roig Alfonso, de 73 anos, dono de uma rede de supermercados e com fortuna avaliada em 1.800 milhões de dólares, confirmou o contrato por três temporadas. 

VILLARREAL Club de Fútbol, de 97 anos (10/3/1923), tratado na Espanha comoSubmarino Amarelo, é um dos mais fortes do ponto de vista econômico-financeiro, pela fortuna de seu presidente, que ainda não foi campeão. Dos 13 sul-americanos da história do time, destacaram-se os brasileiros Belletti (lateral), Marcos Senna (volante) e Nilmar (atacante), os uruguaios Diego Forlan e Diego Godin, e os argentinos Pablo Sorin, Juan Riquelme e Martin Palermo.

UNAI EMERY, técnico que agora pode ser descartado pelo Flamengo, fez bom trabalho no Valencia, em 220 jogos, entre 2008 e 2012, quando assumiu o Spartak Moscou. Entre 2013 e 2016, em 205 jogos no Sevilha, foi tricampeão da Liga Europa, e entre 2016 e 2018, em 114 jogos no PSG, foi campeão francês, da Copa da França, Liga Francesa e Supercopa da França. Emeryvai fazer estudos na fase final da Champions League, observando os jogos que se realizarão em agosto em Portugal.

O BARCELONA também confirmou hoje (19) a permanência do técnico Enrique Setien, de 61 anos, que assumiu em janeiro e estava sendo questionado, mas contou com o apoio dos jogadores, Messi à frente como capitão do time. A goleada fora de casa deste domingo (19) sobre o Alavés(5 x 0, com dois de Messi, que terminou artilheiro do campeonato pela quarta temporada consecutiva), reanimou a equipe, que agora se concentra no jogo de volta da Champions, dia 7 de agosto, com o Napoli.