Escolha uma Página

O FLAMENGO VAI TERMINAR 2023 com mais de R$1 bilhão em caixa e comemoração 0. A virada que levou do Santos por 2 x 1, com dois expulsos, na noite de ontem (1), no Estádio Mané Garrincha, em Brasilia, foi a pá de cal no sonho de sete títulos que não conseguiu ganhar: Supercopa do Brasil; o inédito tetracampeonato carioca; terceiro entre os quatro do Mundial de clubes no Marrocos; Recopa Sul-Americana; Libertadores; Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

O FLAMENGO PAGOU MULTAS milionárias a técnicos estrangeiros de competência duvidosa, tentou salvar o ano, na base do desespero, recorrendo a um técnico brasileiro qualificado, mas sem tempo para recuperar um elenco desgastado e desmotivado. Depois de duas vitórias sem sofrer gol – 2 x 0 no Cruzeiro e 1 x 0 no Vasco -, levou duas viradas – 3 x 2 do Grêmio e 2 x 1 do Santos -, e despencou para o sexto lugar, a nove pontos do líder, e a seis pontos do vice-líder.

TITE RECONHECEU, depois da virada do Santos, a instabilidade do Flamengo, resumida nas expulsões de Gerson, aos 42 do 1º tempo, ao atingir Julio Furch com o cotovelo, e de Bruno Henrique, nos minutos finais, ao levar uma caneta de Soteldo. Em noite de pouco rendimento, restou o 100º gol de Pedro, 30º na temporada 2023, aos 21 minutos. A virada foi com os gols de fora da área, do meia Nonato, aos 33, e do zagueiro Joaquim, aos 44 minutos do 2º tempo.

O FLAMENGO da 8ª derrota, 6º com 50 pontos: Rossi, Wesley (Mateusinho), Fabricio Bruno, Leo Pereira e Ayrton Lucas (Cebolinha); Tiago Maia, Gerson, Arrascaeta (Rodrigo Caio) e Luis Araújo (Victor Hugo); Pedro (Gabriel) e Bruno Henrique. O próximo jogo será domingo (5) com o Fortaleza, na Arena Castelão, e a volta ao Maracanã, 4ª feira (8), para o jogo da 33ª rodada com o Palmeiras.

O SANTOS da 10ª vitória, 15º com 37 pontos: João Paulo, Lucas Braga (João Lucas), Joaquim, Messias e Kevyson; Rodrigo (Dodi), Rincon (Mendoza), Jean Lucas e Nonato (Maxi Silvera); Soteldo e Julio Furch. A equipe do técnico Marcelo Fernandes receberá o Cuiabá, no encerramento da 32ª rodada, na próxima 2ª feira (6), na Vila Belmiro, e na 33ª rodada visitará o Goiás, 5ª feira (9), no Estádio da Serrinha.

DEPOIS DE 10 ANOS, Flamengo e Santos voltaram a se enfrentar em Brasilia. O último jogo (0 x 0) havia sido no domingo, 26 de maio de 2013, na despedida de Neymar, vendido ao Barcelona, e na estreia de Gabriel, aos 16 anos, que sete anos depois seria comprado pelo Flamengo por 18 milhões de euros, o equivalente na época a R$83 milhões.

GRÊMIO SOBE AO 3º LUGAR

COM A 3ª VITÓRIA CONSECUTIVA, o Grêmio subiu ao terceiro lugar com 53 pontos, menos três que o vice-líder Palmeiras, e a seis do líder Botafogo, ao impor a 20ª derrota ao Coritiba, 19º e com a defesa mais vazada (66), na noite de ontem (1), no Estádio Couto Pereira. O volante paraguaio Villasanti e o atacante sul-matogrossense Ferreira marcaram os gols, e o atacante paulista Robson, de pênalti, fez o gol do Coritiba, rebaixado pela quinta vez à Série B.

ATLÉTICO MINEIRO EM 4º

COM DOIS GOLS do carioca Paulinho, emprestado pelo Bayer Leverkusen, o Atlético Mineiro venceu o Fortaleza por 3 x 1, na noite de ontem (1), na Arena MRV, em Belo Horizonte, e subiu ao 4º lugar com 52 pontos, podendo ser ultrapassado hoje (2), se o visitante Bragantino, 5º com 52, vencer o Goiás, 17º com 32. Paulinho, ex-Vasco, é o vice-artilheiro, com 15, menos 1 gol que Tiquinho Soares. Hulk marcou o 3º, e o argentino Lucero fez o gol do Fortaleza, 9º com 42 pontos.

Foto: Ton Molina/Fotoarena/Agência O Globo) Esportes, Divulgação Santos FC