Escolha uma Página

TRATADOS COMO OS MELHORES, Palmeiras e Flamengo ficaram devendo um jogo com mais qualidade no 0 x 0 da tarde deste domingo (21), marcado pela tensão, 37 faltas, 11 cartões e raras chances de gol, no gramado sintético do Allianz Parque, sem a capacidade máxima, devido a shows. R$2.829.978,43. 29.965 pagantes.

PALMEIRAS E FLAMENGO só melhoraram um pouco na volta do intervalo, depois de apenas um chute de Luis Araújo na direção do gol, que Weverton desviou a escanteio. Carlinhos, vice-artilheiro do Carioca, não fez boa estreia e não voltou do intervalo, substituído por Pedro, na única mudança no início do 2º tempo.

AS CHANCES DO 2º TEMPO foram apenas quatro, em cabeçada de Flaco Lopez e no gol de Moreno, bem anulado por impedimento, e de Allan e Arrascaeta, com defesas de Weverton. Poupado, De La Cruz entrou aos 30 e bateu a falta, em que poderia ter decidido o jogo, por cima.

O PALMEIRAS chegou ao 9º jogo sem perder em casa, mas não vence o Flamengo pelo Brasileiro desde 2017 (1 x 3 e três empates) e terminou a 3ª rodada em 11º, só com 1 gol marcado, o de Richard Rios na estreia (1 x 0 no Vitória). Na 4ª rodada, o Palmeiras faz o clássico com o São Paulo, domingo (28), no Morumbi.

O FLAMENGO voltou à liderança na 2ª rodada, depois de três anos, ou 115 rodadas por vantagem de um gol, mas com o 0 x 0 caiu para o 2º lugar, igual em pontos (7) ao Bragantino, novo líder por mais um gol marcado que o Flamengo (5 a 4). Além de Flamengo e Bragantino, estão invictos Atlético Mineiro, Fortaleza e Criciúma.

SOBRE A POLÊMICA do gramado sintético, o Flamengo completou hoje (21) cinco jogos sem perder no Allianz Parque, e 20 jogos no total, com o 9º empate, 6 vitórias e 5 derrotas. Os gramados sintéticos no Brasil: Arena da Baixada, desde 2016; Allianz Parque (2020) e estádio Nilton Santos (2023).

O FLAMENGO DO 0 x 0 – Rossi, Varela, Fabricio Bruno, Leo Pereira e Ayrton Lucas; Erick, Allan (Gerson) e Arrascaeta (c); Luis Araújo (De La Cruz), Carlinhos (Pedro) e Bruno Henrique. Na 4ª rodada, o primeiro jogo do Brasileiro de 2024 às 11 da manhã, com o Botafogo, no Maracanã.

O FLAMENGO, com 4 pontos, vai decidir a liderança do Grupo E da Libertadores com o Bolívar, com 6 pontos, 4ª feira (24), na altitude de 3.600 metros do estádio Hernando Siles, em La Paz. O empate manterá o Bolívar na liderança pelo saldo de 5 gols (7 a 2); o saldo do Flamengo é de 2 gols (3 a 1).

O PALMEIRAS também terá jogo complicado na altitude de 2.850 metros de Quito, 4ª feira (24) com o Del Valle, do Equador, valendo a liderança. Palmeiras lidera o Grupo F por ter mais 1 gol que o Del Valle (4a 3), e tenta voltar a ganhar a Libertadores, pela quarta vez, para ser o brasileiro com mais títulos.

Fotos: Cesar Greco / Palmeiras