“As seguidas contusões no pé direito de Neymar podem continuar criando problema para que dê sequência aos jogos” – diz o Dr.Eric Rolland, ortopedista francês que atendeu o jogador, antes de deixar o setor médico do Paris Saint Germain, em entrevista nesta quinta (15) ao jornal Le Parisien. Segundo o médico, “o pé de Neymar é muito magro e o risco de recaída do problema no quinto metatarso é muito provável”.

NEYMAR continua treinando em separado dos jogadores do PSG e com a situação indefinida, além de não ter mais clima para continuar no clube, após as manifestações dos torcedores durante PSG 3 x 0 Nimes, no último domingo (11), no Parque dos Príncipes, em Paris, onde o time abriu a temporada 2019-2020. Neymar foi duramente ofendido, até com palavrões.

O PROBLEMA no quinto metatarso do pé direito de Neymar foi em fevereiro de 2018 e ele ficou um ano sem recuperar a condição de jogo, após o PSG ser eliminado da Liga dos Campeões da Europa na fase das oitavas de final. Pouco antes da Copa América, em junho, ele voltou a ter problema em um jogo do Brasil com o Qatar.

NÃO É SÓ A PARTE FINANCEIRA que está impedindo a saída de Neymar do PSG, onde também foi alvo de críticas, não só do dono do clube, o qatari Nasser Al-Khelaifi, mas também do diretor-executivo, o ex-lateral Leonardo, do Flamengo, São Paulo e do próprio PSGO jogador tem rejeição da maioria dos torcedores do Barcelona e do Real Madrid.

O CAMPEONATO ESPANHOL 2019-2020 será iniciado amanhã (16) com Atlético de Bilbao x Barcelona, e hoje (15), após o último treino, o técnico Ernesto Valverde não quis responder à pergunta sobre a volta de Neymar: “Ele é do PSG, eu dirijo o Barcelona”. O treinador confirmou que “Messi não jogará por ainda não estar com o condicionamento fisico ideal”

Foto: Tereré News.