Escolha uma Página

NOVO TÉCNICO DE PORTUGAL, o ex-meia espanhol Roberto Martinez, de 49 anos, dirigiu a Bélgica nas duas últimas Copas do Mundo, e foi claro ao ser apresentado ontem (9): “Vou começar com a seleção de 2022 e Cristiano Ronaldo merece todo respeito. Vamos sentar e conversar com todos os que estiveram no Catar”.

O NOVO TÉCNICO da seleção portuguesa disse também: “As decisões não são nem podem ser tomadas em salas ou gabinetes, mas no gramado”. Roberto Martinez fez outra referência a Cristiano Ronaldo, desde 20 de agosto de 2003, com 118 gols em 193 jogos, principal artilheiro de seleções: “Não se trata de um jogador qualquer”.

ROBERTO MARTINEZ foi técnico da Bélgica de 2016 a 2022, em 79 jogos, com 56 vitórias, 13 empates, 10 derrotas, e liderou o ranking mundial de seleções durante quase quatro anos. Foi 3º na Copa de 2018, mas em 2022 não conseguiu repetir a campanha, e acabou eliminado, ainda na fase de grupos, com atuações bisonhas.

O NOVO TÉCNICO substitui Fernando Santos, lisboeta de 68 anos, ex-zagueiro e engenheiro eletrônico, que dirigiu a seleção em 109 jogos, com 67 vitórias, 23 empates e 19 derrotas, ao assumir após a Copa de 2014 no Brasil, em que comandou a Grécia. Fernando Santos saiu em 2022 desgastado com os jogadores.

SORRIDENTE, o novo técnico ganhou a camisa com o sobrenome, entregue por Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol. Roberto Martinez disse que vai tentar aprender português o mais rápido possível: “Estou muito feliz por poder assumir uma das seleções com mais talento do mundo”.

O NOVO TÉCNICO disse também que quer um assistente que tenha sido jogador da seleção: “Isso me dará um grande suporte e facilitará muito o meu trabalho”. Roberto Martinez destacou ainda: “Portugal tem 54 jogadores nas grandes ligas, com menos de 28 anos, o Benfica e o Porto estão na Champions, isso é muito bom”.

O PRIMEIRO JOGO sob a direção do técnico Roberto Martinez, será o da estreia no Grupo J das eliminatórias da Liga das Nações, com a seleção de Liechtenstein, 5ª feira, 23 de março de 2023. Os outros adversários de Portugal serão Luxemburgo, Bósnia e Herzegovina, Islândia e Eslováquia.

Foto: Reuters e UOL