Escolha uma Página

O PORTO ganhou pela terceira vez consecutiva a Taça de Portugal, ao vencer o Sporting, campeão português, por 2 x 1, na prorrogação deste último domingo (26) de maio, diante de 35 mil torcedores no belo Estádio Nacional do Vale do Jamor, no município de Oeiras, a 19 km de Lisboa, em lindíssima tarde de sol.

O SPORTING abriu o placar aos 20 minutos, com o gol de cabeça do zagueiro holandês Jeremiah St.Juste, de 27 anos, 1,86m, expulso com vermelho direto, 10 minutos depois, pelo árbitro Fabio Veríssimo, por falta duríssima no atacante iraniano Mehdi Taremi. O Porto empatou com o cearense Evanilson aos 29.

O PORTO só conseguiu o título aos 10 minutos do 1º tempo da prorrogação, com o gol de pênalti do atacante iraniano Mehdi Taremi, convertendo no meio do gol. O pênalti foi cometido pelo goleiro Diogo Pinto em Evanilson, e o Sporting tentou a reação para empatar e levar a decisão aos pênaltis, mas o Porto manteve o 2 x 1.

OS CAMPEÕES: Diogo Costa (c), Fernandes (João Mario), Pedro, Otavio e Wendell; Varela, Nico (Eustáquio) e Francisco Conceição; Pepê (Galeno), Taremi e Evanilson. A 20ª Taça de Portugal foi o único título do Porto na temporada 2023-2024, com o técnico Sergio Conceição, por reclamação, dois minutos após o gol do título.

TRATADA como a prova rainha do futebol português, a Taça de Portugal é disputada desde 1938-39, e tem no Benfica o recordista de títulos (26), seguido do Porto (20) e do Sporting (17). Na tribuna, mantendo a tradição, o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, de 75 anos, entregou a taça.

  • O PORTO fez o corredor de honra, sob aplausos, para a passagem dos jogadores do Sporting, depois que receberam as medalhas. Muito afetuoso o abraço dos técnicos Sergio Conceição, ex-atacante de 49 anos, e Ruben Amorim, ex-meia de 39 anos. Os jogadores também se abraçaram, tudo em clima bem civilizado.
  • OS CAMPEÕES Evanilson, Wendell e Pepê, convocados para a Copa América, se apresentarão à seleção brasileira na próxima 5ª feira (30), em Orlando, na Flórida, onde será feito o treinamento. Evanilson, cearense de 24 anos, campeão pela terceira vez e artilheiro da Taça de Portugal, com 8 gols, foi formado no Fluminense.
  • O ATACANTE Mehdi Taremi, iraniano de 31 anos, está saindo do Porto, depois de quatro temporadas, para disputar 2024-2025 pela Inter de Milão, campeã italiana. Ele marcou 91 gols em 181 jogos, e será lembrado pelos torcedores portistas como um dos estrangeiros mais marcantes da história do clube.
  • BENFICA 5 x 4 Sporting foi a final com mais gols da Taça de Portugal (1951-1952). A única decisão com goleada foi a de 1943-1944 Benfica 8 x 0 Estoril. Recordista de finais (38), o Benfica é o único a ganhar a Taça de Portugal quatro vezes seguidas. Já o Porto, o que mais vezes perdeu decisões (14).
  • O CARIOCA Oto Glória divide com o português José Maria Pedroto a honra de técnico com mais títulos (4) da Taça de Portugal. Pedroto ganhou 2 no Boavista e 2 no Porto. Oto, 3 no Benfica, 1 no Belenenses, e foi o técnico da melhor colocação de Portugal em Copas do Mundo, 3º, com 2 x 1 na União Soviética, em 1966.
  • ALÉM DE OTO GLÓRIA, outros três técnicos brasileiros ganharam a Taça de Portugal: o gaúcho Otto Bumbel e o sul-matogrossense Yustrich com o Porto, e o paulista Marinho Peres com o Belenenses. Os portugueses não esquecem a frase de Oto Glória: “Técnico quando ganha é bestial; quando perde, é uma besta”.
  • BOM LEMBRAR: o primeiro gol de bicicleta no Estádio Nacional do Vale do Jamor foi do atacante paulista Gino, aos 8 minutos do 1º tempo do primeiro dos sete amistosos de 1956 da seleção brasileira na Europa, 1 x 0 sobre Portugal, domingo, 8 de abril, iniciando a preparação para a Copa do Mundo de 1958 na Suécia, a primeira que o Brasil conquistou.

Fotos: OJogo, Jornal de Notícias