Escolha uma Página

Tão ruim ou até pior para o zagueiro Tiago Silva, ex-Fluminense, do que ser dispensado por telefone pelo PSG, depois de oito temporadas em que foi sete vezes campeão francês, foi saber que o ex-meia Jérôme Rothen, com quem jogou de 2004 a 2011, disse que ele é limitado mentalmente e está muito longe de Sergio Ramos, zagueiro e capitão do Real Madrid, e de Van Dijk, zagueiro e capitão do Liverpool. “Tiago é até bom jogador, mas é limitado mentalmente“- frisou bem Rothen, já aposentado.

GANHOU MUITO – Tiago Silva fará 36 anos em setembro, está desde 2009 na Europa e se situa entre os mais bem-sucedidos financeiramente, embora seu ex-companheiro Rothen tenha feito outra resssalva: “Ele ganhou em Paris o que não ganharia em nenhum outro lugar do mundo”. Rothen também criticou o zagueiro, por ter sido o único do PSG que não aceitou reduzir o salário em 25% durante a pausa do futebol por conta da pandemia do novo coronavírus.

INTERESSADOS – Apesar da sugestão do atacante Fred, que gostaria de também tê-lo de volta ao Fluminense, Tiago Silva vai continuar na Europa. Entre os interessados, o ex-meia Gennaro Gattuso, técnico do Napoli, que jogou com ele no Milan, de 2009 a 2012, quando Tiago Silva fez 119 jogos e seis gols. Outro italiano que o quer é Carlo Ancelotti, técnico do Everton, de Liverpool. Tiago Silva foi campeão no Milan em 2010-2011 e o técnico Stefano Pioli disse que sua volta seria boa.

TERCEIRA COPA – Tiago Silva renova o interesse em voltar à seleção, que defendeu em 89 jogos desde 2008, para disputar a terceira e última Copa do Mundo em 2022. Nesse caso, as chances são mais reduzidas, não pelas atuações sem brilho em 2014 e 2018, mas porque o técnico Tite tem nomes mais cotados. Tiago Silva fez 146 jogos e 14 gols pelo Fluminense, de 2006 a 2008, e seu único título foi a Copa do Brasil de 2007.