O Real Madrid manteve a liderança isolada, mas viu a vantagem sobre o Barcelona se reduzir a um ponto (53 na 52), ao ceder o empate (2 x 2) ao Celta de Vigo, décimo sétimo colocado, na noite deste domingo (16), diante de 62.477 torcedores no estádio Santiago Bernabeu. O Celta saiu para o intervalo com 1 x 0, gol do russo Fedor Smolov, atacante de 30 anos, que finalizou da meia lua entre os zagueiros Varane e Sergio Ramos.

A VIRADA – O Real Madrid conseguiu a virada em 13 minutos na volta do intervalo, com o meia alemão Tony Kroos concluindo da entrada da área cruzamento do lateral Marcelo, que atuou bem do início ao fim. O gol da virada foi do capitão Sergio Ramos, aos 20, convertendo o pênalti sofrido pelo meia belga Eden Hazard, cometido por Ruben Blanco, goleiro espanhol de 24 anos, 1,88m, no Celta há 20 anos, desde a base.

O EMPATE – O Celta de Vigo não desanimou e chegou ao empate aos 41, com o gol do atacante espanhol Santi Mina, quatro minutos após substituir o meia croata Filip Bradaric, de 28 anos. Fez-se o silêncio no Santiago Bernabeu e parte dos mais de 60 mil torcedores vaiou o time do Real Madrid na saída. O árbitro Javier Alberola, de 29 anos, o mais jovem da Real Federação Espanhola de Futebol teve atuação firme e marcou o pênalti com segurança.

VINÍCIUS JÚNIOR – Substituiu o belga Eden Hazard, que voltou ao time após tratamento de três meses para recuperar torção do tornozdelo, aos 27 do segundo tempo, mas pouco produziu. Vinícius Júnior tem sido muito cobrado, devido às atuações apenas discretas e não será surpresa se for emprestado a um clube médio após o campeonato. Hazard teve atuação convincente e foi muito aplaudido ao ser substituído.

REINIER ASSISTIU – Comprado por 30 milhões de euros do Flamengo, em janeiro, quando completou 18 anos, o atacante assistiu da tribuna, ao lado da mãe e da irmã. Reinier estava muito sorridente e trajado com elegância em blazer de meio tom e gravata clara. Sua apresentação aos torcedores será terça (18), mas, a exemplo de tantos outros, ele deverá iniciar no Real Castilla, o time B, treinado pelo ex-atacante Raul, segundo artilheiro do clube.

BARCELONA x REAL MADRID – Já está sendo vivida a expectativa em torno do maior clássico espanhol e um dos maiores do mundo, marcado para o dia 1 de março. Real Madrid e Barcelona jogarão com três adversários de menor porte antes de se enfrentarem. A rodada 24 terminou com o Real Madrid com 53 pontos – 15 vitórias, 8 empates, 1 derrota, saldo de 30 gols (46 x 16) – e o Barcelona com 52 – 16 vitórias, 4 empates, 4 derrotas, saldo de 28 gols (57 a 29).

Foto: O Tempo