Escolha uma Página

COM O GOL DE CABEÇA do ponta venezuelano Otero, aos 2 minutos do segundo tempo, o Santos tirou a invencibilidade do Palmeiras, na noite de ontem (31), na Vila Belmiro e vai à final pelo empate, domingo (7), para ser campeão paulista pela vigésima terceira vez, oito anos após o bicampeonato de 2015-16.

O PALMEIRAS AINDA CONFIA no 3° título consecutivo, baseando-se no retrospecto das duas decisões anteriores: em 2022, quando foi campeão goleando o São Paulo
(4 x 0), depois de perder o jogo de ida
(3 x 1), no Morumbi, e em 2023 quando foi bi, goleando o Água Santa (4 x 0), após perder o jogo de ida (2 x 1), na Arena Barueri.

NEYMAR FOI A NOVIDADE da noite de ontem (31) na Vila Belmiro. Ele entrou em campo com a taça que será entregue ao campeão, junto com Pepe e Clodoaldo. O Santos está em nova decisão com o Palmeiras depois de nove anos, quando foi campeão paulista de 2015, perdendo o primeiro jogo por um 1 x 0, ganhando segundo por 2 x 1 e nos pênaltis por 4 x 2.

O PALMEIRAS PERDEU A INVENCIBILIDADE de 15 jogos no Campeonato Paulista, após 10 vitórias, 4 empates e de 6 jogos sem sofrer gol. O técnico Abel Ferreira reconheceu que o time não esteve bem, mas não perdeu o humor: “Na nossa casa, nosso chiqueiro, vai ser diferente”.

Foto: A Tribuna