O São Paulo juntou-se ao líder Palmeiras e ao vice-lider Santos, que também ganharam sem sofrer gol, formando a trinca paulista de líderes, com dez pontos, após as quatro primeiras rodadas do Brasileirão 2019, ao vencer (1 x 0) o Fortaleza, na noite deste domingo (12). Foram muitas as homenagens a Rogério Ceni, goleiro recordista de jogos (1.237) pelo São Paulo, e técnico campeão da Série B em 2018 e campeão cearense em 2019 pelo Fortaleza.

MUDANÇA E GOL – Depois de atuação mais segura do Fortaleza, que dominou a maior parte do primeiro tempo, o São Paulo voltou do intervalo com o meia-atacante Hernanes no lugar do lateral-direito Igor Vinícius. A mudança deu certo, o time passou a controlar as ações, com boa marcação e saída rápida para o ataque. O gol da noite que levou o tricolor paulista à terceira vitória – segunda fora de casa – foi precisamente de Hernanes aos 31 minutos. O Fortaleza tentou empatar, mas o São Paulo soube manter a vantagem.

TRÊS INVICTOS – O São Paulo é o terceiro dos invictos do Brasileirão 2019, igual em pontos (10), vitórias (3), empate (1) e só está abaixo do vice-lider Santos pelo saldo de gols (5 x 4) e do lider Palmeiras (7 x 4). O São Paulo fez 6 gols e sofreu 2. O Santos marcou 7 e sofreu 2. O Palmeiras tem o ataque mais positivo (8) e a defesa menos vazada (1). O São Paulo foi o terceiro visitante a ganhar na quarta rodada, depois do Botafogo (1 x 0 no Fluminense) e do Palmeiras (2 x 0 no Atlético Mineiro).

SÃO PAULO – Tiago Volpi, Igor Vinícius (Hernanes), Walce, Bruno Alves e Reinaldo; Hudson, Tchê Tchê e Liziero (Vítor Bueno); Antony, Toró e Everton (Igor Gomes). Técnico – Cuca. O São Paulo jogará na quinta rodada, domingo (19), com o Bahia, no Morumbi.

FORTALEZA – Felipe Alves, Gabriel, Roger, Quintero e Carlinhos; Felipe, Juninho e Edinho; Marcinho (Dodô), Romarinho (Junior Santos) e Kieza (Wellington Paulista). Técnico – Rogerio Ceni. O Fortaleza jogará quinta (16) com o Atlético Paranaense, em Fortaleza, pela Copa do Brasil, e domingo (19) com a Chapecoense, em Santa Catarina.A derrota para o São Paulo fez o Fortaleza  perder a invencibilidade como mandante após doze jogos.

QUATRO CARTÕES – Wilton Pereira Sampaio, da Federação Goiana, teve boa atuação. Advertiu com cartão amarelo o zagueiro Bruno Alves e o meia Tchê Tchê (São Paulo), e o apoiador Felipe e o atacante Marcinho (Fortaleza). R$842.863,00. 39.897 pagantes no estádio Castelão.