De visitante a mandante, pelo adiamento do jogo com o Palmeiras, o Vasco é o último do Rio a estrear no Campeonato Brasileiro de 2020, na noite de hoje (13), em São Januário, com o Sport, que iniciou vencendo (3 x 2) o Ceará, campeão da Copa do Nordeste. O Flamengo perdeu os dois jogos e sequer fez gol. O Fluminense perdeu um, empatou outro e só marcou um gol. O Botafogo estreou com empate em um gol fora de casa. Será o mandante Vasco o primeiro do Rio a vencer?

OTIMISMO – O Vasco vai suprir a ausência dos torcedores com uma decoração especial, com faixas e bandeiras, em torno do gramado de São Januário, a fim de aumentar ainda mais o otimismo da equipe, definida pelo técnico Ramon Menezes: Fernando Miguel, Pikachu, Ricardo Graça, Leandro Castan e Henrique; Felipe Bastos, Andrey e Benitez; Gabriel Pec, German Cano e Talles Magno. O meia Carlinhos e o atacante Guilherme Parede serão novas opções com que o treinador pode contar.

MOTIVAÇÃO – O clima é de otimismo e muita motivação no Vasco. Iniciar com vitória será importante para a sequência, de vez que o time fará o segundo jogo também em São Januário, domingo (16), com o São Paulo, que também estreia na noite desta quinta (13), no Morumbi, com o Fortaleza. Bom lembrar: a estreia do Vasco foi adiada porque o Palmeiras estava nas finais do campeonato com o Corinthians, e a do São Paulo, porque nove jogadores do Goiás, em exame da Covid-19, testaram positivo.

MAIS ÂNIMO – O Vasco se baseia no retrospecto para ter ainda mais ânimo para a estreia, embora o técnico esteja pregando muito respeito ao adversário, que iniciou com vitória (3 x 2), em casa, sobre o Ceará, campeão da Copa do Nordeste. Em 28 jogos do Campeonato Brasileiro, o Vasco venceu 12 e só perdeu 8 para o Sport, e 8 empates. A última vitória do Sport sobre o Vasco foi em 2012, ano em que o time pernambucano terminou rebaixado à Série B.

NOVATOS – O atacante Guilherme Parede, de 24 anos, 1,74m, sul-matogrossense de Nova Andradina, chega ao Vasco por empréstimo do Talleres, da cidade de Córboda, um dos times de posição intermediária do campeonato argentino. Já o meia Carlinhos, de 26 anos, 1,79m, baiano de Camacã, ganhou experiência desde os 17 anos na Alemanha, atuando pelo Bayer Leverkusen, e na volta acabou se lesionando durante o tempo em que jogou no Guarani.

GABRIEL PEC – O meia petropolitano de 20 anos terá a grande chance como titular na estreia de hoje (13), porque Bruno Cesar testou positivo e estará fora também do jogo com o Ceará, na próxima quinta (20), na Arena Castelão, em Fortaleza. O técnico Ramon Menezes vai utilizar Gabriel Pec mais pela ponta: “É um jogador veloz, habilidoso e criativo” – resume o treinador. Vasco x Sport será apitado pelo curitibano Rodolpho Toski Marques, de 33 anos, categoria FIFA.

Imagem: SuperVasco