Haroldo Couto, diretor-presidente da HC Marketing, empresa de grandes realizações desde 2012, está me dando o privilégio de antecipar o lançamento do projeto Shopping do Torcedorcujo anúncio, em breve, será um autêntico gol de placa para os torcedores de todos os times brasileiros, como ele próprio explica: “Vamos começar pelo Rio, movimentando as torcidas do Flamengo, Vasco, Fluminense e Botafogo, e depois estenderemos o projeto, online, para todos os estados.

68 MILHÕES – Haroldo Couto prevê o acesso inicial de 68 milhões de torcedores às redes sociais dos clubes brasileiros, com o aumento consequente à medida que o projeto mostrar que realmente caiu no agrado de todos. Ele calcula que só os quatro grandes do Rio apresentarão, de início, o volume de 32 milhões de acessos, com o Flamengo, sempre maioria, respondendo por quase 25 mil. “Todos os torcedores podem contar com bom retorno porque o projeto vai oferecer prêmios” – diz Haroldo Couto.

COMO SERÁ – Os torcedores poderão acessar www.shoppingdotorcedor.com.br para escolher em mais de 50 lojas os artigos que precisam comprar. Entre outras, disporão da Amazon, maior site de compras do mundo, Ponto Frio, Casas Bahia, Americanas.com e os supermercados Extra e Carrefour. Quinze torcedores serão sorteados para participar de uma pelada, uma vez por mês, com ex-jogadores do Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco. E concorrerão a camisas oficiais, autografadas pelos jogadores atuais.

BENEFÍCIO – De acordo com o projeto da HC Marketing, de Haroldo Couto, de todas as compras, de qualquer valor, será repassado 1%, em benefício de ex-jogadores de todos os times cariocas, através do Saferj – Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado do Rio de Janeiro –,e depois a medida se estenderá aos Sindicatos de todo o país, conforme a venda em capitais e principais cidades. O lançamento do projeto já está mobilizando grande interesse de todas as torcidas, que prometem apoio total.

HAROLDO COUTO foi presidente do Conselho Fiscal do Flamengo de 92 a 94 e é conselheiro nato. Sua paixão rubro-negra começou aos 12 anos, no Maracanã, com a Charanga de Jayme de Carvalho, primeira torcida musical dos estádios. Figura do bem, com muitos amigos, torcedores de outros times, Haroldo Couto foi vice-presidente da Federação de Vôlei, de 88 a 91, a convite do presidente Carlos Souto, um de seus grandes amigos vascaínos.