Flamengo e Palmeiras, campeões de 2019 e 2020, continuam 100% na Libertadores 2021, em campanha firme com três vitórias em três jogos e com o ataque mais positivo, com 10 gols, igual ao do Internacional, que depois dos 6 x 1 no Olímpia, está no Grupo B, que registra mais gols (23), seguido do A do Palmeiras e do G do Flamengo com 22. Barcelona do Equador e Argentinos Juniores, que na noite de ontem (6) fez 2 x 0 no Nacional, em Medellin, e o São Paulo, ainda não sofreram gol.

135 GOLS – As três primeiras rodadas registraram 135 gols em 48 jogos, com a média de 2.81 gols por jogo. Gabriel, um dos três artilheiros, fez a metade (5) dos 10 gols do Flamengo, e está igualado com os colombianos Miguel Borja, do Junior Barranquilla, e Jarlan Barrera, do Nacional de Medellin. Os vice-artilheiros Hulk, do Atlético Mineiro, e Rony, do Palmeiras, fizeram quatro gols. 

DEFINIÇÕES – Na quarta rodada, no meio da próxima semana, as definições estarão se desenhando, mas desde quando a tabela da fase de grupos foi sorteada, não havia dúvida de que Flamengo, Palmeiras e São Paulo iriam às oitavas de final como primeiros de seus grupos, e que o Fluminense decidiria o primeiro lugar com o River. Atlético Mineiro e Internacional também poderão entrar em primeiro. Só não se esperava que o Santos tivesse começo tão inseguro e até decepcionante.

Foto: Futebol Bahiano