Dois meses depois de terem decidido o Campeonato Carioca, em que o Flamengo confirmou o amplo favoritismo e venceu o Fluminense nos dois jogos – 2 x 1 e 1 x 0, em 12 e 15 de julho -, os times voltam ao Maracanã na noite desta quarta (9) para o jogo da nona rodada do Campeonato Brasileiro, e outra vez o favoritismo do Flamengo é acentuado. Em ascensão, o Flamengo deve se igualar em pontos ao Internacional, e só não será líder pela diferença no saldo de gols, nem terá a garantia de terminar a rodada em primeiro porque o Internacional só jogará amanhã (10), e pode se manter isolado.

REAGIU BEM – Depois do início inseguro, em que perdeu dois jogos sem fazer gol e só conseguiu ganhar um dos cinco primeiros, o Flamengo subiu bem na classificação, com as três vitórias consecutivas, mesmo sem convencer, como na última sobre o Fortaleza. Aliás, o time ainda não fez uma grande exibição, daquelas de ser bem superior, o que em parte se deve às muitas mudanças na escalação, retardando o entrosamento, que só mesmo a sequência é capaz de oferecer. 

MAIS PEÇAS – A vantagem do Flamengo está em ter mais peças, quase todas de qualidade, embora certas substituições nem sempre mantenham o rendimento. É o oposto do Fluminense, com um grupo reduzido e com raros valores individuais, poucos capazes de decidir, como já se poderá sentir hoje (9), no primeiro jogo sem Evanilson, que se sobressaía pela presença na área. É bom reconhecer que, mesmo sem empolgar como no ano passado, o Flamengo mantém as credenciais ao título.

OS NÚMEROS – Quinto do degrau de uma escada em que todos estão bem próximos, o Flamengo tem a mesma pontuação do Vasco, com um jogo a menos, que fecha o G4, com 14 pontos. O Flamengo está igual ao Vasco em vitórias (4) e empates (2), mas perdeu 2 jogos e o Vasco só perdeu 1 jogo. A diferença dos números é acentuada no saldo de gols: 6 x 1 a favor doVasco, que marcou 11 e sofreu 5, enquanto o Flamengo também fez 11 gols, mas sofreu 10.

JOGO 60 – O Fla-Flu deste 9 de setembro, no Maracanã, será o de número 60 da história do Campeonato Brasileiro. Diferente do Campeonato Carioca, em que a vantagem do Flamengo é de 16 vitórias em 257 jogos, no Brasileiro há um pouco mais de equilíbrio. Em 59 jogos, o Flamengo venceu 23, o Fluminense ganhou 20 e houve 16 empates. Não sei qual é a cotação para o desta noite, mas o Flamengo deve ter bem mais apostas do que o Fluminense, que, no entanto, não chega a ser um azarão.

POSIÇÕES – Quinto com 14 pontos, o Flamengo está só a um ponto do Atlético Mineiro, terceiro com 15, e a dois do vice-lider São Paulo, com 16, podendo ultrapassar os dois e até terminar a rodada com os mesmos 17 pontos do líder Internacional. Só o Palmeiras, único invicto, com 13 pontos, poderá sair do sexto lugar e ultrapassar o Flamengo. Santos, sétimo, e Fluminense, oitavo, ambos com 11 pontos, terão chances bem menos reduzidas.

BOTAFOGO – Recordista de empates (5), junto com o Grêmio, uma das grandes decepções do início do Brasileiro 2020, o Botafogo terá que vencer o Athletico Paranaense, para não voltar ao rebaixamento. No gramado sintético da Arena da Baixada, o jogo complicado do que mais empatou (5) com o que mais perdeu (5), com o empate ruim para os dois, ambos com saldo negativo, cada um com seis gols a favor. O confronto do Salve-se quem puder é o primeiro da rodada e começa mais cedo, às 17h30min.

Foto: Torcedores