Escolha uma Página

DEPOIS DE ELIMINAR A JUVENTUS, em Turim, nas quartas de final, o Villarreal, tratado na Espanha como Submarino Amarelo, venceu o Bayern por 1 x 0, gol do ala nigeriano Danjuma, de 25 anos, criado na Holanda, aos 8 minutos. O chute de Parejo ia para a linha de fundo, mas ele se esticou e fez o desvio da bola para o gol.

FOI A 16ª DERROTA DO BAYERN em 31 jogos na Espanha e o maior campeão alemão precisa vencer pelo menos por dois gols, na próxima 4ª (13), em sua Allianz Arena, em Munique, para avançar às semifinais. O Villarreal terá a vantagem do empate para ser semifinalista pela 1ª vez em seus 100 anos, que completará domingo (10).

O ÚLTIMO JOGO EM QUE O BAYERN não fez gol como visitante foi em 19 de fevereiro de 2019, no 0 x 0 com o Liverpool. O polonês Robert Lewandowski, maior artilheiro do Bayern, é o atual artilheiro da Liga dos Campeões com 12 gols – 4 como visitante -, mas teve os passos bem controlados pela marcação do Villarreal.

O GOLEIRO ARGENTINO Geronimo Rulli, de 29 anos, emprestado pelo Manchester City, voltou a se destacar com grandes defesas e o Villarreal tenta comprá-lo. O goleiro alemão Manuel Neuer, no Bayern desde 2011, vai completar 37 anos no próximo dia 27, também voltou a brilhar.

VILLARREAL 1 x 0 BAYERN teve a lotação completa de 24 mil torcedores no estádio La Cerâmica, no município da província de Castelló, comunidade autônoma de Valencia. O jogo foi limpo, com 9 faltas de cada time, e o árbitro inglês Anthony Taylor só advertiu com cartão amarelo o lateral equatoriano Pervis Estupiñan, do Villarreal.

Foto: UOL Esportes