O Vasco acredita que pode ser ajudado pelo retrospecto nos jogos do Campeonato Brasileiro com o Santos, por ter o dobro de vitórias sobre o adversário (12 a 6), em São Januário, onde voltarão a se enfrentar amanhã (20). Será o jogo de número 64 do Brasileiro, com 22 vitórias do Santos, 17 do Vasco e 24 empates, e na soma de todos os confrontos, o jogo 103, com 36 vitórias do Santos, 34 do Vasco e 32 empates. Bom lembrar: São Januário foi inaugurado em 21/4/1927, com Vasco 5 x 3 Santos.

ARTILHEIRO – Marinho, destaque do Santos na temporada com 21 gols e vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro com 14, só menos 1 gol que o ex-vascaíno Tiago Galhardo, do Internacional, só depende de avaliação médica para confirmar a volta ao time. A suspensão de Marinho foi convertida em multa de R$7.500, que o atacante depositará na conta da Mamas do Amor, associação sem fins lucrativos, que ajuda na prevenção do câncer de mama, no bairro dos Jardins, em São Paulo.

MARINHO, o lateral Pará e o meia Jobson sentiram desconforto muscular durante a goleada (4 x 1) da última quarta (16), na Vila Belmiro, onde o Santos eliminou o Grêmio e se classificou para as semifinais da Libertadores com Boca ou Racing, que venceu o primeiro jogo (1 x 0) e só precisa do empate na próxima quarta (23), na Bombonera. Os três passarão por nova avaliação, enquanto o volante Diego Pituca volta após suspensão. O meia Sandry, uma das gratas revelações, também está escalado.

O VASCO está em décimo sétimo, com 25 pontos – 6 vitórias, 7 empates, 11 derrotas – e precisa melhorar também o saldo de gols, negativo em 11, com 25 marcados e 36 sofridos. O Santos entra motivado para subir uma posição e terminar a rodada em sétimo, com 41 pontos, ultrapassando o Fluminense (38) e se igualando em vitórias (11) ao tricolor, que na abertura da rodada perdeu (2 x 1) como visitante para o Atlético Goianiense.

SEM TRÊS – O Vasco não terá no jogo de amanhã (20) os laterais Leo Gil e Neto Borges, e o atacante Tales, que cumprem suspensão. Leo Matos será o lateral-direito e Henrique volta na esquerda. O meia Andrey também tem retorno confirmado. No returno do Brasileiro 2020, o Vasco só conseguiu vencer o Sport (2 x 0), em Recife; empatou (1 x ) com o São Paulo, no Morumbi, e com o Fluminense, em São Januário, mas sofreu duas goleadas: 4 x 0 do Grêmio e 4 x 1 do Ceará em São Januário.

Foto: Pinterest