Escolha uma Página

Vasco e Botafogo, sem competência para criar e fazer gol, foram castigados com o empate (1 x 1) da noite deste domingo (21), em que o futebol passou ao largo de São Januário. O Vasco ainda não conseguiu vencer em 2021 – três derrotas, dois empates – e não à toa é penúltimo dos doze, com 2 pontos e saldo negativo de dois gols (3 a 5). O Botafogo é terceiro, com uma vitória e três empates, mas, se não investir em bons atacantes, vai continuar com o jejum de gols que o levou ao rebaixamento.
MEDÍOCRE – O Vasco teve atuação tão medíocre quanto no 1 x 1 com a Caldense, em que só passou de fase na Copa do Brasil, graças ao benefício do empate. O Botafogo não tem quem faça gol, tanto que seu gol foi marcado contra pelo lateral Zeca. É preocupante a situação de ambos para a campanha da Série B, com necessidade urgente de que se reforcem, sob pena de que a demora para a volta à elite seja mais demorada.

VASCO – Lucão, Zeca, Ricardo, Ernando (Miranda) e MT (Vinícius); Andrey (Carlinhos), Bruno Gomes, Gabriel Pec e Marquinhos Gabriel; Tiago Reis (Laranjeira) e Talles (Leo Matos). Próximo jogo, quarta (24), em São Januário, com o Macaé, último com três derrotas, um empate, um gol marcado e cinco gols sofridos. O técnico Marcelo Cabo diz que precisa de mais treinos.

BOTAFOGO – Douglas Borges, Jonatan, Kanu, Benevenuto e Paulo Vítor (Ferreira); Rickson (Enio), Zé Welison (Gilvan) e Frizzo (Kayque); Marcinho, Warley e Mateus Babi (Navarro). O time ganhou um jogo dos quatro e é terceiro com seis pontos, mas com tendência a evoluir muito, de acordo com o otimismo do técnico Chamusca.

Foto: Maringá Post