Três dias depois de grande exibição e de quebrar o tabu de dezessete jogos sem vencer o Flamengo, o Vasco foi eliminado das semifinais da Taça Guanabara, pelo segundo ano consecutivo, ao empatar (2 x 2) com o Boavista, antepenúltimo colocado, na noite de ontem (18), no estádio Elcir Resende, em Bacaxá, distrito de Saquarema, a 118 km do Rio. O Boavista fez 2 x 0, gols do meia Marquinhos, o Vasco diminuiu com o gol de Cano, e logo na volta do intervalo empatou com o gol de Gabriel Pec.

ESTREANTE – O Vasco promoveu a estreia do goleiro Vanderlei, de 37 anos, 1,95m, que completou 664 jogos na carreira iniciada em 2004 em Londrina, a 87 km de Porecatu, no Norte do Paraná, onde nasceu. Campeão paranaense em 2007 no Paranavaí, foi campeão em 2008 e tetracampeão – 2010-11-12-13 – no Coritiba, também campeão brasileiro da Série B em 2007 e 2010. No Santos, bicampeão paulista em 2015-16, e antes de chegar ao Vasco, campeão gaúcho em 2020 no Grêmio.

OS QUATRO – Diferença só de um ponto entre os quatro que disputarão as semifinais: Volta Redonda, 21 pontos – 6 vitórias, saldo de 6 gols (17 a 11). Flamengo, 20 pontos – 6 vitórias, saldo de 12 gols (21 a 9). Fluminense, 19 pontos – 6 vitórias, saldo de 6 gols (16 a 10). Portuguesa, 18 pontos – 5 vitórias, saldo de 10 gols (16 a 6). Dependendo dos resultados da última rodada, no próximo domingo (25), as semifinais poderão ser Volta Redonda x Portuguesa e Flamengo x Fluminense.

SÉRIE B – O adversário de estreia do Vasco, sábado, 29 de maio, será o Operário, de Ponta Grossa, quarto município mais populoso do Paraná, com 360 mil habitantes, a 103 km da capital Curitiba. O clube completará 109 anos dia 1 de maio e já ganhou 16 campeonatos do interior do estado; campeão paranaense de 2015; da Série D em 2017; da Série C em 2018, e se manteve na Série B em 2021 pelo oitavo lugar em 2020. Mateus Costa, curitibano de 34 anos, é o técnico desde agosto de 2020, após ganhar o campeonato sergipano com o Confiança, de Aracaju. 

CLÁSSICO – Depois da estreia, o Vasco fará dois jogos como visitante, com a Ponte Preta e o Brasil de Pelotas, e voltará a São Januário para os jogos com Avaí e CRB. No terceiro jogo fora de casa, o Vasco disputará o clássico com o Cruzeiro, na sexta rodada, no Mineirão. Na Série A, em jogos com o mando do Cruzeiro, o Vasco só venceu 6; perdeu 18 e empatou 15. No total, será o jogo 78, com 30 vitórias do Cruzeiro, 20 do Vasco e 27 empates. Na décima quinta rodada, Botafogo x Vasco.

Foto: ESPN