O FLUMINENSE GANHOU DE VIRADA do Vila Nova, de Goiânia, por 3 x 2, com três gols em 21 minutos, e ao marcar o da vitória, aos 43 do 2º tempo, na noite de ontem (19), no Maracanã, Fred tornou-se o maior artilheiro da Copa do Brasil com 37, superando Romário, que fez 36 gols. R$239.672,50. 9.175 pagantes.

O FLUMINENSE SAIU PARA O INTERVALO perdendo por 1 x 0, gol do zagueiro carioca Rafael Donato, de 33 anos, 1,93m, de cabeça. As vaias aumentaram quando outro carioca, o atacante Pablo Dyego, de 28 anos, formado na base do Fluminense, fez 2 x 0 aos 13 minutos, mas o técnico Abel Braga agiu rápido para reverter a situação.

ABEL BRAGA voltou do intervalo com Ganso e Caio Paulista, tirando Arias e Luiz Henrique, e fez o time chegar à virada, com as três mudanças simultâneas aos 25 minutos: saíram Pineida, Yago e Willian, e entraram Ganso, que marcou o 1º gol; Marlon, com assistência para o 2º, e Fred, o gol da virada, em jogada de Nonato.

O TIME DA VIRADA – Fábio, Samuel Xavier, Nino, David Braz e Pineida (Marlon); André, Yago (Nonato) e Arias (Ganso); Luiz Henrique (Caio Paulista), Cano e Willian (Fred) – o Fluminense, que só precisará empatar no jogo de volta, dia 11 de maio, em Goiânia, para se classificar às oitavas de final da Copa do Brasil.

NO SERRA DOURADA – Vila Nova x Fluminense, na 4ª feira, 11 de maio, marcará a reabertura do estádio Serra Dourada, que passou por ampla reforma, durante 28 meses. O último jogo foi o da vitória do Goiás sobre o Grêmio por 3 x 2, na rodada final do Campeonato Brasileiro da Série A, no domingo, 8 de dezembro de 2019.

BOM LEMBRAR – O Serra Dourada foi inaugurado no domingo, 9 de março de 1975, como 7º maior estádio brasileiro, na vitória da seleção de Goiás sobre a seleção de Portugal por 2 x 1, diante de 76.718 torcedores. O recorde de público só foi batido no domingo, 19 de março de 1978, com 77.790, na vitória da seleção brasileira sobre a seleção de Goiás por 3 x 1. 

NOVO TÉCNICO – O Fluminense volta sábado (23) ao Maracanã para o jogo da 3ª rodada do Brasileiro com o Internacional, que terá novo técnico, o gaúcho Mano Menezes, de 59 anos. Ele estava sem clube desde 20 de dezembro de 2020, demitido após a derrota do Bahia para o Flamengo por 4 x 3 no Maracanã.

A DEMISSÃO aconteceu após uma das piores campanhas do técnico, que perdeu 14 dos 24 jogos – 8 vitórias, 2 empates – e deixou o Bahia em 14º com 44 pontos, só 3 a mais que o Vasco, rebaixado em 17º com 41 pontos. Além disso, Mano Menezes deixou o Bahia com a defesa mais vazada da Série A de 2020: 46 gols em 26 jogos.

MAIOR CAMPEÃO PERDE DE VIRADA

O CRUZEIRO, maior campeão da Copa do Brasil, com seis títulos, perdeu de virada para o Clube do Remo por 2 x 1, na noite de ontem (19), no estádio Baenão, em Belém, com todos os gols no 2º tempo. O goleiro Vinícius, do Remo, com 7.079 votos, 11º dos 35 vereadores eleitos em Belém, defendeu pênalti do meia João Paulo aos 2 minutos, mas o Cruzeiro fez 1 x 0, gol do atacante Rodolfo aos 20.

A VIRADA DO REMO começou com o gol contra do volante paulista William Oliveira aos 26 e foi conseguida logo três minutos depois com o gol de cabeça do zagueiro capixaba Daniel Felipe, de 30 anos, 1,87m, que era do Botafogo, de João Pessoa. O Remo é da Série C do Brasileiro, e sábado (16), havia perdido para o Manaus FC, bicampeão amazonense, por 1 x 0.

FOI A SEXTA DERROTA do Cruzeiro em Belém, em oito jogos com o Remo, que mantém o tabu desde 1979. Na volta, dia 11 de maio, no estádio Independência, o Cruzeiro precisa vencer por dois gols. Só ganhar só por um gol, decide nos pênaltis a vaga para as oitavas de final da Copa do Brasil.

QUEM ABRIU muita vantagem foi o visitante América Mineiro, que venceu o CSA, em Maceió, por 3 x 0, gols de Eder, Mateus e Pedrinho, e poderá perder até por dois gols o jogo de volta em BH. O elenco do América ganhou muita motivação com a volta do técnico paulista Vagner Mancini.

 NA ARENA FONTE NOVA, em Salvador, o Bahia não saiu do 0 x 0 com o Azuriz, de Pato Branco, no Sudoeste do Paraná, clube de apenas cinco anos de fundação e em que o lateral Marcelo, do Real Madrid, é um dos investidores. O goleiro Caio, de 25 anos, fez oito defesas excepcionais nas 17 finalizações do Bahia.