Escolha uma Página

O Botafogo avançou à segunda fase da Copa Sul-Americana, ao vencer (3 x 0) o Defensa y Justicia, vice-lider invicto do Campeonato Argentino, na noite de ontem (20), no estádio Norberto “Tito” Tomaghello, na cidade de Florencio Varela, região metropolitana da Grande Buenos Aires, mas terá que esperar até 2 de maio, quando termina a primeira fase, para saber quem será o próximo adversário. Todos os gols da vitória do Glorioso foram marcados no segundo tempo.

EM MENOS DE MEIA HORA, o Botafogo marcou os três gols, com destaque para o último, do meia Alex Santana, aos 35 minutos, encobrindo o goleiro Ezequiel Unsain, de 23 anos, 1,88m, que estava adiantado. O técnico Zé Ricardo elogiou a percepção de Alex e o cumprimentou, ainda na saída do campo, pela antevisão do lance. Erik havia feito 1 x 0 aos sete e marcou o segundo gol aos 30, convertendo com categoria o pênalti do zagueiro Miranda em Rodrigo Pimpão. No jogo de ida, Erik havia feito o gol da vitória (1 x 0), no estádio Nilton Santos.

EXPULSÃO – O lateral Marcinho foi expulso aos 24 do segundo tempo, por atingir com o braço o rosto do meia Castro. Antes, ele havia sido advertido com cartão amarelo, por demorar a cobrar um lateral. O Botafogo teve mais quatro advertidos com cartão amarelo – Gatito, Jean, Luis Fernando e Pimpão -, enquanto quatro do Defensa y Justicia também foram punidos com cartão amarelo pelo árbitro peruano Diego Mirko Haro, de 36 anos, da Fifa desde 2013 e que atuou nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

TAÇA RIO – O Botafogo fará os dois próximos jogos em seu estádio Nilton Santos. Sábado (23), às 19h30m, com o Vasco – vencedor da Taça Guanabara e único invicto do Campeonato Carioca 2019 -, na estreia da Taça Rio, que começará amanhã (22), no Maracanã, com Fluminense x Bangu. Na próxima quarta (27), o Botafogo receberá o Cuiabá, da capital do Mato Grosso, em jogo da segunda fase da Copa do Brasil.

BEM-SUCEDIDO – O zagueiro argentino Joel Carli, de 32 anos, terá alta hoje (21), um dia depois da bem-sucedida artroscopia a que foi submetido no joelho pelos médicos do clube Cristiano Cinelli e Ricardo Bastos. A previsão é de que volte em um mês. Carli está no Botafogo desde dezembro de 2015 e foi o autor do gol do empate com o Vasco, aos 49 do segundo tempo, que levou a decisão do título carioca de 2018, ganho pelo Glorioso.

Fotos: FogãoNet , UOL Esporte , Javier Gonzalez Toledo/AFP e O Dia.IG