Escolha uma Página

Depois de duas derrotas e um empate, o Corinthians ganhou a primeira como visitante na noite de ontem (2), no estádio da Serrinha, onde impôs a terceira derrota ao Goiás, que despencou para o penúltimo lugar com 4 pontos, ultrapassado pelo Atlético Goianiense com 5, e pode até terminar a rodada na lanterna, se o Sport, com 4 pontos, ao menos empatar em Porto Alegre com o Grêmio. Foi a segunda derrota do Goiás com o mando de campo, após perder (3 x 1) para o Fortaleza.

NOS ACRÉSCIMOS – O Corinthians saiu para o intervalo com 1 x 0, gol contra do zagueiro Fabio Sanches, aos 28, ao desviar do goleiro Tadeu uma cabeçada do meia Ramiro. Houve leve supremacia do Corinthians, mas aos 44 o goleiro Cassio, que completou 475 jogos, evitou o empate, que o Goiás conseguiu aos 20 minutos, quando Vinícius aproveitou vacilo geral da defesa. O zagueiro Danilo Avelar fez o da vitória aos 45, de cabeça, aproveitando o quique da bola na pequena área, após escanteio de Otero.

CORINTHIANS – Cassio, Fagner, Gil, Danilo Avelar e Marcelo Piton; Cantillo (Éderson), Camacho (Gabriel) e Gustavo Mosquito (Otero); Ramiro (Leo Natel), Jô e Luan (Araos). Técnico – Tiago Nunes, que fez a décima sétima escalação diferente em 26 jogos em 2020. O Corinthians tem 8 pontos em seis jogos – 2 vitórias, 2 derrotas, 2 empates, saldo de um gol (9 a 8) – e o próximo jogo será sábado (5) com o Botafogo, na nova Arena Neo Química, na Zona Leste da capital paulista.

GOIÁS – Tadeu, Pintado, Fabio Sanches, Rafael Vaz e Jeferson; Sandro, Ratinho (Figueira) e Bessa; Vinícius (Douglas Baggio), Mike (Quevedo) e Keko (Jara). Técnico – Thiago Larghi. O Goiás é décimo sétimo com 4 pontos em 5 jogos – 1 vitória, 3 derrotas, 1 empate, saldo negativo de dois gols (6 a 8) – e será visitante no próximo jogo, domingo (6), com o Sport, na Ilha do Retiro, em Recife. Foi o jogo 52 entre os times, com 20 vitórias do Corinthians, 19 empates e 13 vitórias do Goiás.

QUATRO CARTÕES – O árbitro José Mendonça da Silva Junior, de 36 anos, da Federação Paranaense e do quadro nacional da CBF, teve boa atuação e advertiu com cartão amarelo três do Corinthians: Fagner, Otero e Ramiro. O único advertido do Goiás foi Vinícius, autor do gol.