Escolha uma Página

COM OS GOLS DE CABEÇA de Cebolinha e Pedro, nos minutos finais de cada tempo, o Flamengo venceu o Fluminense por 2 x 0, na noite de ontem (9), no Maracanã, e estará na sexta final consecutiva, com todas as chances de ganhar o 37º título carioca, 3º invicto, em finais que deverá disputar com o Vasco.

O FLAMENGO FOI SUPERIOR do início ao fim, mas não aproveitou a chance de sair com placar mais amplo, principalmente depois que o Fluminense ficou com menos um, devido à expulsão do zagueiro Tiago Santos, aos 17 do 2º tempo, ao atingir o tornozelo de Cebolinha. No final, Fabio evitou que Pedro fizesse o 3º.

O FLAMENGO já entrou na semifinal com a vantagem de dois resultados iguais, e com o 2 x 0 pode até perder o segundo jogo por dois gols, que estará nas finais. O sonho do segundo tri do Fluminense no Maracanã acabou, a menos que vença por diferença de três gols no próximo domingo (17).

O FLUMINENSE completou 12 clássicos sem vitória, a última sobre o Flamengo (4 x 1), na decisão de 2023. Cano, em noite apagada, completou cinco jogos sem fazer gol, o último no 1 x 0 no Sampaio Corrêa. O Fluminense teve outro expulso pelo segundo jogo consecutivo, após André na derrota para o Botafogo (4 x 2).

FLAMENGO 2 x 0 FLUMINENSE registrou R$3.013.736,50. 48.105 pagantes. 52.169 presentes. Boa atuação do árbitro Yuri Cruz e de seus assistentes Rodrigo Corrêa e Lilian Bruno. Bem aplicados os cartões amarelos em Guga, Martinelli, Felipe Melo e De La Cruz, e o vermelho, com ajuda do VAR, em Tiago Santos.

FLAMENGO – Rossi, Varela, Fabricio Bruno, Leo Pereira e Ayrton Lucas (Matias Viña); Erick (Igor), De La Cruz e Arrascaeta (c); Luis Araújo (Bruno Henrique), Pedro e Cebolinha (Victor Hugo), no 10º jogo consecutivo sem sofrer gol. Ayrton Lucas sentiu a coxa direita em lance isolado e foi substituído aos 3 do 2º tempo.

FLUMINENSE – Fabio, Guga, Tiago Santos, Felipe Melo (c) e Diogo Barbosa (Marcelo); Martinelli, Renato Augusto (Manuel) e Ganso (Lima); Arias, Cano e Keno (Lelê). Ganso sentiu o joelho direito e foi substituído aos 3 do 2º tempo. Foi a 7ª derrota, 8ª sem fazer gol, em 12 clássicos com 5 empates, 4 gols marcados e 15 sofridos.

NA ESTREIA do ex-lateral Filipe Luis, de 38 anos, como técnico do Sub-17, o Flamengo goleou a Cabofriense (5 x 1), ontem (9), na abertura da Copa Rio, no campo do Cefan, na Penha, na Zona Norte do Rio. Nos 20 anos de carreira, Filipe Luis fez 176 jogos e marcou 4 gols pelo Flamengo, entre 2019 e 2023.

Foto: Flamengo / Divulgação e Lance!