Escolha uma Página

O espanhol Josep Guardiola, de 49 anos, do Manchester City, sofreu neste último domingo (27) de setembro a primeira derrota por cinco gols como técnico em 644 jogos, em casa e de virada, por 5 x 2 pelo líder Leicester City, que, pela primeira vez, venceu os três primeiros jogos, com três gols de pênaltis no mesmo jogo da Premier League. Jamie Vardy, atacante inglês de 33 anos, 1,78m, fez dois de pênaltis e um de letra, repetindo os três gols que marcou no estádio do City no campeonato de 2016-17.

AMARGO – O resultado foi muito amargo para Guardiola, técnico desde 2008 com 247 jogos até 2012 no Barcelona, três vezes campeão espanhol; duas vezes campeão da Liga dos Campeões e duas vezes campeão mundial de clubes; técnico de 2013 a 2016 no Bayern Munique, em 161 jogos, tricampeão alemão e campeão mundial de clubes, e técnico desde 2016 no Manchester City, com 236 jogos hoje (27), bicampeão inglês em 2016-17 e 2017-18. Pela primeira vez, uma derrota sofrendo cinco gols, e em casa.

RECORDE – Desde a estreia no Leicester City, da décima maior cidade inglesa, a 164 km de Londres, em agosto de 2012, Jamie Vardy marcou 135 gols em 312 jogos, com o deste domingo (27), e é o recordista de gols de pênaltis, com 22 convertidos desde o campeonato de 2014. O Leicester impôs ao Manchester City a primeira derrota com cinco gols em um jogo, depois de 438 jogos em casa, onde até então não havia sofrido tantos em nenhuma das competições.

BRASILEIROS – O goleiro Ederson, de 27 anos, reserva da seleção, e o meia Fernandinho, de 35 anos, substituído no início do segundo tempo pelo inglês Liam Delap, de 17 anos, foram os brasileiros em campo. Gabriel Jesus, lesionado e fora da seleção nos dois primeiros jogos das eliminatórias, não tem previsão de volta, após fazer sua melhor temporada, com 23 gols em 53 jogos. O Leicester, do técnico norte-irlandês Brendan Rodgers, de 47 anos, não tem jogador sul-americano.

ÚNICO 100% – Atual campeão, o Liverpool é o único 100% em três rodadas, após 3 x 1 no londrino Arsenal, com dois gols do egípcio Salah, neste domingo (27), no estádio Anfield Road. Por uma dessas coincidências, os dois times voltarão a se enfrentar na próxima quinta (1), desta vez em jogo da Copa da Liga Inglesa.

OUTRO EMPATE – Ainda não foi na terceira rodada que o Wolverhampton, do técnico português Nuno Espírito Santo, ex-goleiro de 46 anos, conseguiu vencer. O mexicano Raul Jimenez converteu o pênalti, mas Davies empatou para o Burnley. Depois do terceiro empate consecutivo, o treinador anunciou a chegada do lateral-direito Nelson Semedo, ex-Barcelona.

DEPOIS DO JOGO – A primeira vitória do Manchester United – 3 x 2 sobre o Brighton – foi conseguida depois do jogo que o árbitro Chris Kavanagh, de 35 anos, havia encerrado com sete minutos de acréscimos. Chamado pelo VAR, ele fez a revisão em lance de área e marcou o pênalti, quando alguns jogadores já estavam saindo de campo. Na cobrança, o excelente meia português Bruno Fernandes, de 26 anos, em sua primeira temporada na Inglaterra, converteu com muita categoria.

JOGO DA SECA – Sem marcar desde dezembro de 2019, o meia paulistano Lucas Moura, de 28 anos, fez o gol do Tottenham, e o atacante inglês Callum Wilson, de 28 anos, há 600 minutos sem fazer gol, empatou para o Newcastle. Foi o quarto jogo do Tottenham, do técnico José Mourinho, nos últimos 10 dias, em três cidades e quatro países diferentes.  

CAPITÃO FALHOU – O zagueiro carioca Tiago Silva, de 36 anos, terceiro mais velho a estrear na Premier League, depois do italiano Roberto Mancini (Leicester, 2001) e do espanhol Fernando Hierro (Bolton, 2004), falhou feio no gol de Robinson, segundo do West Ham, no empate (3 x 3) do Chelsea. O técnico Frank Lampard o escolheu capitão do time londrino e Tiago Silva mantém a braçadeira, como nos oito anos no PSG, que defendeu em 315 jogos, entre 2012 e 2020.

RICHARLISON – O Everton, de Liverpool, foi um dos seis visitantes com vitória na terceira rodada inglesa, 2 x 1 no Crystal Palace, de Londres. O capixaba Richarlison, ex-Fluminense, fez de pênalti o gol da vitória do time do técnico italiano Carlo Ancelotti, de 61 anos. O meia colombiano James Rodriguez, ex-Real Madrid e Bayern, também voltou a se destacar, com assistência para o gol de Calvert-Lewin, atacante inglês de 23 anos, que marcou o quinto em três jogos.

Foto: TVI24, Publico