Escolha uma Página

O meia-esquerda Gustavo de Carvalho, da época do ataque com cinco, marcou em 3 de maio de 1912, no estádio do América, na Rua Campos Salles, o primeiro gol da estreia do Flamengo no Campeonato Carioca, nos 16 x 2 sobre o Mangueira. E foi o artilheiro do jogo, com mais quatro gols. Gustavo Adolpho de Carvalho era de Sorocaba, interior de São Paulo, nascido em 19 de fevereiro de 1894 e tinha 18 anos e 3 meses.

Everton Ribeiro / Fox Sports

No  último domingo de março de 2019, na decisão da Taça Rio com Vasco ou Bangu, quem marcará o gol 5.000 do Flamengo no Campeonato Carioca? O 4.999, na noite de ontem (27), foi de Everton Ribeiro, de pênalti (2 x 1), quando a vaga parecia do Fluminense, que jogava pelo empate e tinha mais um em campo, desde o fim do primeiro tempo, com a expulsão de Bruno Henrique. Uma vitória de muita raça, bem a cara do Flamengo.

O autor do gol 5.000 será mais um nome com lugar especial na história do clube, neste ano em que o Flamengo completa 124 anos. Zico, o maior artilheiro do Maracanã, fez 333 gols. Um ano antes do primeiro tri – 42/43/ 44 -, o Flamengo teve o recordista de gols em uma única edição do campeonato: o gaúcho Sylvio Pirilo marcou 39 gols em 1941. E domingo (31), quem marcará o gol 5.000 da história do Flamengo no Campeonato Carioca de 2019?