O TIME PRINCIPAL DO BOTAFOGO estreou no Campeonato Carioca de 2023 vencendo o Volta Redonda por 2 x 1, na noite desta 5ª feira (19), no Estádio da Cidadania, em Volta Redonda, depois que a equipe reserva perdeu o primeiro jogo para o Audax por 1 x 0, domingo (15), no Estádio Nilton Santos. 

OS GOLS DA PRIMEIRA VITÓRIA não tiveram a participação dos atacantes. O lateral Marçal fez o 1º aos 11 minutos, completando com um toque de alta categoria o passe de cabeça de Gustavo Sauer, após lançamento do meia Patrick de Paula. O goleiro Lucas Perri só fez uma defesa difícil, em chute do atacante Lelê.

NA VOLTA DO INTERVALO, o Botafogo ampliou a vantagem com o gol de cabeça do zagueiro argentino Victor Cuesta, aos 10 minutos, após o escanteio de curva do lateral-direito Daniel Borges. No minuto seguinte, o atacante Lelê fez o gol do Volta Redonda e teve a chance do empate aos 35, em outra boa jogada individual.

O ZAGUEIRO Philipe Sampaio, do Botafogo, perdeu feio na corrida para Lelê, que também passou pelo goleiro Lucas Perri e finalizou. Victor Cuesta pressentiu o desfecho do lance, e quase sobre a linha do gol, evitou que a bola entrasse após o chute de Lelê, que poderia ter conseguido o empate se chutasse mais forte.

O BOTAFOGO precisa melhorar as conclusões, inclusive em bolas paradas, como se viu nas faltas do primeiro tempo. Patrick de Paula isolou uma cobrança e Tiquinho Soares, em noite apagada, acertou a barreira. O goleiro Lucas Perri manteve o bom nível do final da temporada de 2022.

O BOTAFOGO da 1ª vitória no Carioca de 2023: Lucas Perri, Daniel Borges, Philipe Sampaio, Victor Cuesta e Marçal; Tchê Tchê (Danilo Barbosa), Patrick de Paula e Marlon; Gustavo Sauer (Lucas Piazon), Tiquinho Soares (Carlos Alberto) e Victor Sá (Luis Henrique). 

VOLTA REDONDA 1 x 2 BOTAFOGO registrou R$113.840,00. 4.447 pagantes. Boa atuação do árbitro Mauricio Coelho, que advertiu com cartão amarelo Marlon, Marçal e Patrick de Paula, e o meia Dudu, do Volta Redonda.

COM O ADIAMENTO do clássico com o Vasco, da próxima 2ª feira (23) para 16 de fevereiro, o Botafogo volta a jogar na próxima 5ª (26), com o Madureira, no estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador. O último jogo de janeiro será o clássico com o Fluminense, domingo (29), no Maracanã.

O TÉCNICO LUIS CASTRO, coberto de razão, criticou a organização do Campeonato Carioca: “Planejamos uma pré-temporada nos Estados Unidos, com a equipe B nos primeiros jogos do campeonato, o que não aconteceu. Depois disso, já fiz outros três planejamentos. Infelizmente, não há respeito aos jogadores”.

LUIS CASTRO EXALTOU a entrega dos jogadores na vitória: “Vencemos, sim, com muita entrega e determinação. Estamos com apenas nove dias de preparação, enquanto o adversário fez um trabalho de mais de dois meses”. O técnico português cumprimentou Rogerio Corrêa, técnico do Volta Redonda, pela atuação da equipe.

Fotos: Vitor Silva / Botafogo