O Vasco perdeu o segundo jogo consecutivo, com o resultado final definido no primeiro tempo, em que o Bahia fez 3 x 0 na noite desta quarta (7), no estádio de Pituaçu, como já havia acontecido domingo (4), no Mineirão, onde levou a virada (4 x 1) do Atlético. Foi a terceira derrota nos últimos quatro jogos em que o time só empatou (1 x 1), em casa, com o Bragantino, e o artilheiro argentino Cano completou o sexto jogo sem gol. O Vasco passou a ter saldo negativo de um gol (17 a 18).

DOMINADO – O Bahia teve início fulminante e começou a liquidar o jogo logo aos 10 minutos, com o gol de Rossi, após cruzamento de Clayson. O segundo gol foi de Gilberto, aos 32, após outro cruzamento preciso de Ernando, e Clayson fez 3 x 0 aos 45. O Vasco voltou do intervalo com três mudanças, saindo Marcos Junior, Vinícius e Talles, e sem que Carlinhos, Caio Tenório e Gabriel Pec nada fizessem para melhorar o rendimento de um time sem criatividade e sem nenhuma força ofensiva.

100 JOGOS – O goleiro Fernando Miguel, gaúcho de 35 anos, 1,91m, completou 100 jogos no Vasco, desde que substituiu o uruguaio Martin Silva, no final de 2018, e além de não ter tido culpa nos últimos sete gols que sofreu, evitou a derrota para o Bragantino, ao defender pênalti no 1 x 1 em São Januário. No segundo tempo, quando o Bahia diminuiu o ritmo, o Vasco não teve forças para reagir, menos ainda ao ficar com 10, após a expulsão do volante Bruno Gomes aos 23 minutos.

BAHIA – Douglas, Ernando, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Elias, Gregore (Ramon) e Daniel (Ronaldo); Rossi (Elber), Gilberto (Saldanha) e Clayson (Fessin). Técnico – Mano Menezes. O Bahia tem 15 pontos em 14 jogos  4 vitórias, 7 derrotas, 3 empates, saldo negativo de 4 gols (18 a 22) – e os próximos jogos serão como visitante, domingo (11), com o Fluminense, e sexta (16) com o Goiás. Como mandante, após 4 derrotas e 1 empate, foi a terceira vitória, primeira em que o time marcou três gols.

VASCO – Fernando Miguel, Pikachu, Ricardo (Miranda), Castan e Henrique; Bruno Gomes, Felipe Bastos e Marcos Junior (Carlinhos); Vinícius (Caio Tenório), Cano (Catatau) e Talles (Gabriel Pec). Técnico – Ramon Menezes. O Vasco tem 18 pontos em 13 jogos  5 vitórias, 5 derrotas, 3 empates, passou a ter saldo negativo de 1 gol (17 a 18) – e o próximo jogo é com o Flamengo, sábado (10), em São Januário. Tudo leva a crer que nova derrota implicará na troca de técnico.

GRÊMIO VOLTA A VENCER – Depois de uma derrota e três empates, o Grêmio venceu (2 x 1) o Coritiba, na noite desta quarta (7) na Arena Grêmio, e chegou aos 17 pontos em 13 jogos – 3 vitórias, 2 derrotas, 8 empates, saldo de um gol (13 a 12) -, a 1 ponto do Vasco. O Grêmio liquidou o jogo em nove minutos, com os gols do atacante Luis Fernando aos 2 e do zagueiro David Braz aos 11. O volante Natan Silva fez o gol do Coritiba aos 27 do segundo tempo.

SEGUNDA EM CASA – Foi apenas a segunda vitória na Arena Grêmio, onde o time só havia ganho (1 x 0) do Fluminense, na estreia do campeonato, dia 9 de agosto. Nos jogos com o mando de campo, o Grêmio só perdeu (2 x 1) para o Sport, mas acumulou quatro empates: 0 x 0 com o Corinthians e 1 x 1 com Fortaleza, Palmeiras e Internacional. O Coritiba, como visitante, sofreu a quinta derrota, depois de empates com Botafogo (0 x 0) e Goiás (3 x 3). A única vitória foi sobre o Bragantino (2 x 1).

Foto: CBF